Vale do Ivaí

Segue arrecadação de recursos para dono do galo de Ivaiporã

A campanha “Ajude a melhorar a casa do dono do Galo de Ivaiporã” está ganhando reforços. Saiba como ajudar.

Da Redação ·
Imagem ilustrativa da notícia Segue arrecadação de recursos para dono do galo de Ivaiporã
Segue arrecadação de recursos para dono do galo de Ivaiporã

Os esforços da campanha  “Ajude a melhorar a casa do dono do Galo de Ivaiporã” continuam. O desafio é conseguir arrecadar fundos para custear a mão de obra da construção de uma nova casa para o servente de pedreiro Élcio Antunes da Silva, 51 anos, que ficou nacionalmente conhecido depois que o seu galo virou notícia.

continua após publicidade

A mobilização para a construção da nova moradia teve início depois que a bióloga  Denise Kusminski  criou a campanha em uma Vakinha Virtual. De acordo com ela, existem muitas maneiras de ajudar. Assista:

 

 
continua após publicidade

Neste domingo (13), a Comercial Ivaiporã, uma das maiores redes de materiais para construção e acabamentos do Paraná, confirmou a doação de todo o material para a construção de uma nova moradia para Élcio. O projeto da nova moradia será realizado gratuitamente pelo engenheiro civil, Laudelino Leão Neto, que também vai acompanhar a construção da obra.

O presidente da Comercial Ivaiporã Marcelo Gil falou sobre o engajamento da empresa na campanha. Assista:

 

 
continua após publicidade

Durante a semana, Élcio já havia recebido a solidariedade de algumas empresas, a Formigão Tintas que vai doar as tintas para a pintura, a OL Construtora fornecerá a mão de obra para pintar a casa.  A rede de lojas MM irá mobiliar a casa  com cama box, armário de roupas, geladeira, mesa, sofá, televisão e rack. 

O CASO

A Polícia Militar (PM) de Ivaiporã, no interior do Paraná, precisou lidar com um fato inusitado na madrugada de domingo (6). Um morador da Rua Agripina Maria Pedro, na Vila Santa Terezinha, representou contra o dono de um galo por perturbação de sossego. O galo foi apreendido. 

continua após publicidade

No local, por volta das 2h40, uma pessoa chamou a PM e disse que o vizinho mantém um galinheiro nos fundos da casa, onde um galo estava perturbando, tirando seu sossego.

O homem ainda contou que já conversou com o dono do galo, mas que ele não tomou providências.

Diante da representação criminal contra o responsável pelo galo, a equipe apreendeu a ave e lavrou o Termo Circunstanciado contra o autor.