Geral

Turquia ameaça cortar relações diplomáticas com Israel

Da Redação ·
 Funeral de ativista atraiu dezenas de manifestantes na Turquia nesta sexta
fonte: Ap/BBC Brasil
Funeral de ativista atraiu dezenas de manifestantes na Turquia nesta sexta

A Turquia ameaçou cortar formalmente as relações diplomáticas com Israel se o primeiro-ministro Benjamin Netanyahu não se desculpar publicamente pela ação militar em alto-mar contra uma flotilha que levava ajuda humanitária para a Faixa de Gaza e que terminou com a morte de nove ativistas.

continua após publicidade

O embaixador da Turquia nos Estados Unidos, Namik Tan, também exigiu, durante uma coletiva de imprensa hoje, que o governo israelense permita a realização de uma investigação internacional sobre as operações de seus comandos militares contra um navio que bandeira turca que se dirigia a Gaza.

continua após publicidade

Ele disse que Israel tem de tomar medidas concretas para aliviar o bloqueio militar à Faixa de Gaza. "Israel não pode encontrar um amigo melhor na região do que a Turquia. E Israel está à beira de perder este amigo", afirmou Tan.

continua após publicidade

Ao ser pressionado pelos repórteres a falar sobre se o primeiro-ministro Recep Tayyip Erdogan considera cortar as relações diplomáticas de Ancara com Israel, o representante turco respondeu: "O governo pode ser forçado a tomar tal ação".

Um graduado funcionário norte-americano confirmou que o ministro de Relações Exteriores da Turquia Ahmet Davutoglu levantou a possibilidade de os turcos cortarem relações com Israel durante sua reunião com a secretária de Estado Hillary Clinton, ocorrida na terça-feira.

continua após publicidade

O governo de Netanyahu se negou a falar sobre a exigência turca de desculpas públicas. Mas um funcionário israelense destacou hoje que seu governo espera manter relações diplomáticas com Ancara, que Israel vê como uma das mais importantes no âmbito internacional.

"Israel não mudou sua política em relação à Turquia, em oposição ao que parece estar acontecendo na posição da Turquia em relação a nós", disse o funcionário. "Nós consideramos o relacionamento de grande importância e acreditamos que é importante mantê-lo." As informações são da Dow Jones.