Vale do Ivaí

PM prende suspeito de envolvimento em morte de marilandense

Anadir, de 56 anos, foi encontrada com as mãos e pés amarrados, dentro da própria casa

Da Redação ·
Imagem ilustrativa da notícia PM prende suspeito de envolvimento em morte de marilandense
PM prende suspeito de envolvimento em morte de marilandense

A Polícia Militar (PM) de Marilândia do Sul confirmou que um jovem, de 19 anos, foi preso suspeito de envolvimento na morte da moradora do município, Anadir Maria Raimundo Moreira, de 56 anos, que foi encontrada com as mãos e pés amarrados, dentro da própria casa, no mês passado. 

continua após publicidade

Conforme a PM, o jovem foi detido através de um mandado de prisão autorizado pela Justiça. O suspeito estava em uma casa na mesma rua onde o crime aconteceu, no Jardim Tókio. 

O rapaz foi levado para a delegacia. A Polícia Civil de Marilândia do Sul, através do delegado Felipe Ribeiro Rodrigues, informou vai falar sobre o caso somente na semana que vem, que equipes ainda realizam diligências. 

continua após publicidade

O CASO: 

Um crime que chocou os moradores de Marilândia do Sul, no norte do Paraná. Na manhã de sexta-feira (24-9), uma mulher foi encontrada morta, com mãos e pés amarrados, dentro da própria casa, no Jardim Tókio. 

A Polícia Militar (PM) foi chamada e informou que existem indícios de violência sexual. Anadir Maria Raimundo Moreira, 56 anos, morava com a irmã, que está viajando. Uma cunhada foi até a residência para ver se estava tudo bem e encontrou a vítima caída na cozinha. "A cunhada ao chegar de manhã viu a porta aberta. Ao entrar encontrou a vítima caída de bruços, com mãos e pés amarrados, com a calça abaixada, somente com o sutiã. Existem indícios de violência sexual", explicou o sargento Sebastião Elói da Silva. 

continua após publicidade

Ainda de acordo com o sargento, testemunhas contaram que viram Anadir chegar em casa volta das 22h de quinta-feira (23). "Provavelmente o crime aconteceu durante a noite, na madrugada. Estamos ouvindo moradores do bairro, levantando as informações e imagens de câmeras de segurança das casas. Algumas pessoas viram um rapaz correndo próximo da casa dela. A polícia já está investigando", disse.

A notícia da morte de Anadir causou grande comoção nos moradores de Marilândia do Sul, pois ela era muito conhecida na cidade. Anadir tinha transtornos psicológicos e uma leve deficiência mental e era muito querida na comunidade por estar sempre bem humorada cumprimentando os vizinhos. 

O corpo foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) de Apucarana, que deve determinar a causa da morte.