Revista UAU!

Simaria, irmã de Simone, fala pela primeira vez sobre a pausa da dupla

A cantora afirmou que se sentia controlada pela irmã em alguns momentos

Da Redação ·
Receba notícias no seu WhatsApp!
Participe dos grupos do TNOnline
"A gente venceu juntas, mas não significa que porque vencemos juntas temos que morrer como duplinha", disse a cantora
fonte: Reprodução/Instagram
"A gente venceu juntas, mas não significa que porque vencemos juntas temos que morrer como duplinha", disse a cantora

Recentemente, a cantora Simaria anunciou que não irá mais fazer shows ao lado da irmã, Simone. Após o afastamento dos palcos, a artista decidiu falar pela primeira vez.

continua após publicidade

De acordo com ela, a irmã a controlava em alguns momentos, mas que agora, com 40 anos, não vai mais se calar. "(Eu ouvia) 'cala a boca', 'não fala isso', 'não fala aquilo'... Mas, cara, eu, com 40 anos, não vou mais me calar. Vou falar o que acho que é certo. A gente venceu juntas, mas não significa que porque vencemos juntas temos que morrer como duplinha. Mantendo respeito, irmandade, não tem como quebrar isso. Vai dar sempre certo", contou a artista, ao falar sobre a relação profissional com a irmã.

Simaria falou a respeito do assunto durante uma entrevista concedida ao programa Domingo Espetacular, da Record TV. Durante a conversa, ela também falou sobre a perda do pai, que sofreu um infarto. 

continua após publicidade

"Para mim foi uma das dores mais terríveis da minha vida", disse ela, lembrando ainda ter começado a sustentar a família aos 14. "Minha mãe fazia um documento e eu aí [eu ia] cantar na estrada. Sempre fui uma mulher à frente do meu tempo. Por isso que acho que quando você chega aos 40 anos, que começa a entender quem é de verdade, o que outros falam a seu respeito... Está tudo certo! Sabe por quê? Porque onde estou indo, eles não vão", destacou.

Simaria, que se separou recentemente de Vicente Escrig, com quem foi casada por 14 anos, e tem os filhos Giovanna, de 9 anos, e Pawel, de 5, ainda falou sobre a separação. O ex-casal disputa na Justiça a partilha dos bens que possui no Brasil e na Espanha. 

"Um artista quando perde a voz fica triste, né? Não vou chorar porque já chorei muito, nesses dias todos", contou Simaria, que perdeu uma tia, a quem considerava uma "segunda mãe", no último mês. "Por mais sucesso que eu faça, espero que Deus nunca permita que eu perca minha essência".

Com informações da revista Quem. 

GoogleNews

Siga o TNOnline no Google News