Região

Pintor que sofreu descarga elétrica morre em hospital de Londrina

Da Redação ·
Ronaldo sofreu uma descarga elétrica quando trabalhava em um prédio no centro de Ivaiporã (Foto: Arquivo))
Ronaldo sofreu uma descarga elétrica quando trabalhava em um prédio no centro de Ivaiporã (Foto: Arquivo))

Morreu no início da manhã desta quinta-feira (8), no Centro de Queimados do Hospital Universitário de Londrina, o pintor Ronaldo Viesba Luiz, 39 anos. No último dia 29, ele sofreu uma descarga elétrica quando trabalhava em um prédiona Rua Rio Claro esquina com a Av. Paraná, na região central de Ivaiporã.

continua após publicidade

O pintor foi socorrido pelo Corpo de Bombeiros e encaminhado ao Instituto de Saúde Bom Jesus, mas devido à gravidade dos ferimentos foi transferido para o Centro de Tratamento de Queimados do HU, em Londrina.

Populares relataram que Ronaldo realizava o trabalho de pintura em cima do prédio, quando teria encostado com o cabo de alumínio do rolo de pintura na rede, sofrendo a descarga elétrica.