Região

Polícia de Apucarana prende 10 suspeitos de tráfico em 6 dias

Da Redação ·
A escalada de prisões por suspeita da prática do crime de tráfico drogas continua em Apucarana. Nos últimos seis dias, 10 pessoas foram presas em flagrante em supostas situações do gênero. Ao longo de 2009, as detenções dessa natureza totalizam 56 flagrantes.Isso representa um aumento de mais de 50% nas prisões relacionadas com esse tipo de crime, no comparativo do primeiro semestre do ano passado com o período de 1º de janeiro a 19 de junho de 2009. O tráfico é um ilícito penal do qual derivam outros crimes, como furto, receptação, roubo e até homicídios, e por isso deve ser coibido com o máximo rigor, frisa o comandante do 10º Batalhão da Polícia Militar (BPM), tenente coronel Ronaldo Antônio Maciel de Oliveira.O delegado-chefe da 17ª Subdivisão Policial (SDP), Gabriel Marcello Botelho Junqueira Filho, relatou que nesta sexta-feira (19), que o último suspeito de comercializar entorpecente preso no município é Márcio Roberto Fernandes Pires, de 20 anos, que foi flagrado pela PM com 110 gramas de maconha. TELEFONE - Após receber denúncia anônima pelo fone 08006431161, a Polícia Militar (PM) flagrou o Márcio junto com dois menores em atitudes suspeitas em frente ao número 21 da Rua Alexandre Balan, no Projeto Agrícola, cercanias do Parque Bela Vista (região Norte de Apucarana). Durante revista no trio foram achadas algumas trouxinhas de maconha e na sequência a mãe de Márcio autorizou a entrada dos policiais na casa, onde eles acharam mais mais droga, totalizando 110 gramas do entorpecente. Márcio e os menores foram encaminhados à 17ª SDP para o enquadramento legal cabível, detalhou Junqueira. O delegado acrescentou que o auxílio da população com denúncias ajuda a polícia na guerra contra as drogas. Aqui em Apucarana o povo nos ajuda e o trabalho interado e harminioso entre o Judiciário, Ministério Público (MP), Polícia Civil e Militar tem se traduzido em resultados positivos para a comunidade, completou Junqueira.
continua após publicidade