Paraná

Morre segunda vítima de acidente que aconteceu na BR-376

Matheus estava internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI)

Da Redação ·
Matheus Moisés estava internado na UTI do Hospital Santa Rita
fonte: Arquivo da família
Matheus Moisés estava internado na UTI do Hospital Santa Rita

Um rapaz, de 23 anos, que foi vítima de um acidente de trânsito, na BR-376, em Marialva, no dia 6 de fevereiro, não resistiu aos ferimentos e morreu nesta segunda-feira (14). O jovem, identificado como Matheus Moisés, estava internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Santa Rita, em Maringá.

continua após publicidade

Matheus era passageiro de um Chevrolet Corsa, que foi atingido na traseira por uma caminhonete. A condutora do Corsa, Chirllenny Hoffmann, de 41 anos, morreu na hora.

 Chirllenny conduzia o GM Corsa e morreu no local do acidente fonte: Reprodução/Redes Sociais
Chirllenny conduzia o GM Corsa e morreu no local do acidente
continua após publicidade

O motorista da caminhonete, que se recusou a fazer o teste do bafômetro, foi ouvido na manhã desta segunda-feira na delegacia de Marialva. O investigado disse que havia uma mulher com um cachorro no canteiro central da via e que acredita que a condutora Chirlleny tenha parado o veículo para ajudar.

O resultado da pericia da velocidade é aguardado para que o delegado possa finalizar o inquérito policial. O terceiro ocupante do carro, que seria o filho de Chirllenny Hoffmann, recebeu alta poucos dias depois e passa bem.

Com informações do GMC Online.