Esportes

Villa brilha, vira maior artilheiro e Espanha vence

Da Redação ·
David Villa roubou a cena na festa dos 100 jogos de Xavi com a camisa da seleção espanhola nesta sexta-feira. Em Granada, o atacante precisou de três minutos para marcar duas vezes, dar à Espanha a virada sobre a República Checa por 2 a 1 e se isolar como maior artilheiro da história da seleção espanhola. Com os gols marcados no jogo desta sexta-feira, válidos pelas Eliminatórias da Eurocopa 2012, Villa chegou a 46 e desempatou a disputa com Raul, atualmente no Schalke 04, que balançou as redes em 44 oportunidades com a camisa da Espanha. A Espanha segue com o aproveitamento de 100% no grupo I das Eliminatórias, com quatro vitórias em quatro jogos. A atual campeã mundial tem o dobro de pontos que a República Checa, segunda colocada, no mesmo número de jogos. A Escócia, adversária do Brasil no amistoso de domingo, tem quatro pontos em quatro jogos. Mesmo jogando fora de casa e vendo a Espanha ser amplamente superior na primeira etapa, a República Checa foi que abriu o placar em Granada. Aos 29 minutos, Plasil recebeu bom passe, carregou a bola até o meio e, de fora da área, arriscou a batida. A bola passou entre Piqué e Arbeloa e acabou no canto esquerdo de Casillas. O empate aconteceu apenas aos 23 minutos do segundo tempo. Iniesta tocou para Villa, que tirou da marcação e bateu rasteiro para fazer o gol que o colocou como maior artilheiro da seleção isoladamente. No ataque seguinte veio a virada. Rezek derrubou Iniesta na área e o árbitro marcou pênalti. Villa bateu no canto baixo esquerdo e desempatou.
continua após publicidade