MAIS LIDAS
VER TODOS

Economia

Petição a favor de parcelado sem juros atinge mais de 1 milhão de assinaturas

Uma petição que apoia a manutenção das regras do parcelado sem juros no cartão, denominada "Parcelo Sim!", ultrapassou na segunda-feira, 29, a marca de um milhão de assinaturas. A iniciativa tem o apoio de associações ligadas aos setores de comércio, empr

Letícia Naome (via Agência Estado)

·
Escrito por Letícia Naome (via Agência Estado)
Publicado em 30.01.2024, 11:36:00 Editado em 30.01.2024, 11:44:47
Imagen google News
Siga o TNOnline no Google News
Associe sua marca ao jornalismo sério e de credibilidade, anuncie no TNOnline.
Continua após publicidade

Uma petição que apoia a manutenção das regras do parcelado sem juros no cartão, denominada "Parcelo Sim!", ultrapassou na segunda-feira, 29, a marca de um milhão de assinaturas. A iniciativa tem o apoio de associações ligadas aos setores de comércio, empreendedorismo e defesa do consumidor.

continua após publicidade

O movimento ocorre em meio a uma disputa entre bancos, que querem modificar o parcelado sem juros, o reduzindo, com a justificativa de que isso diminuiria o juro mensal do rotativo, e empresas de maquininhas independentes, que defendem a manutenção.

"Com a marca de um milhão de assinaturas ultrapassada, ficou claro que a população, principalmente a mais vulnerável economicamente, não quer e não vai abrir mão da possibilidade de fazer compras parceladas sem juros", afirma Paulo Solmucci Júnior, presidente-executivo da Abrasel, que representa bares e restaurantes.

Gostou desta matéria? Compartilhe!

Icone FaceBook
Icone Whattsapp
Icone Linkedin
Icone Twitter

Mais matérias de Economia

    Deixe seu comentário sobre: "Petição a favor de parcelado sem juros atinge mais de 1 milhão de assinaturas"

    O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.
    Compartilhe! x

    Inscreva-se na nossa newsletter

    Notícia em primeira mão no início do dia, inscreva-se agora!