Cotidiano

Risco: Lava de vulcão Cumbre Vieja chega ao oceano

De acordo com especialistas, quando a magma ardente entra em contato com o mar pode gerar nuvens tóxicas

Da Redação ·
Imagem ilustrativa da notícia Risco: Lava de vulcão Cumbre Vieja chega ao oceano
fonte: Desiree Martin/AFP
Risco: Lava de vulcão Cumbre Vieja chega ao oceano

A nove dias atrás, o vulcão Cumbre Vieja entrou em erupção e devastou a ilha espanhola de La Palma. Além da destruição, a lava oferecia outro risco: se elas atingissem o Oceano Atlântico poderiam gerar gases tóxicos. E isto ocorreu nesta terça-feira (28).

continua após publicidade

A lava está fluindo no lado ocidental do vulcão, em direção ao mar, desde o dia 19 de setembro, destruindo quase 600 casas e plantações de banana em La Palma, que é vizinha de Tenerife, no arquipélago das Ilhas Canárias, na costa do norte da África. 

Milhares de pessoas foram retiradas, e três vilas litorâneas estavam em lockdown na segunda-feira, esperando a chegada da lava ao oceano. 

continua após publicidade

De acordo com o Serviço Geológico dos Estados Unidos, a magma ardente em contato com o mar pode ocasionar explosões, ondas de água fervente e até nuvens tóxicas. "As nuvens criadas pela interação entre a água do mar e a lava são ácidas", explica Patrick Allard, diretor de pesquisa do instituto francês de Geofísica do Globo, em Paris, à agência de notícias France Presse.