Cotidiano

Depois de festa de "descasamento", mulher encontra novo amor

Ela decidiu organizar uma festa à fantasia no lugar do casamento e começou um novo relacionamento.

Da Redação ·
Imagem ilustrativa da notícia Depois de festa de "descasamento", mulher encontra novo amor
fonte: Reprodução / Redes sociais

Com 29 anos, a servidora pública Kallynca Carvalho dos Santos, de Curitiba, percebeu que ela e o ex-noivo não estavam bem como casal. Por isso, eles concordaram em terminar o relacionamento de 13 anos. O impasse é que isso ocorreu sete meses antes do casamento deles. A reportagem é do G1.

continua após publicidade

Depois do término, Kallynca disse que até tentou cancelar os serviços contratados para 21 de maio, mas que o valor das multas a fizeram mudar de ideia. Com isso, ela resolveu fazer uma festa à fantasia, com convites à venda por R$ 200.

Por fim, ela contou ao g1 que teve bons desfechos para as duas situações. Solucionou o problema burocrático das contas com a nova festa e também encontrou um novo amor.

continua após publicidade

"A gente vai sempre tentando, com as nossas ações, tentar nos colocar em primeiro lugar. Eu posso dizer que eu provei essa sensação, da gente fazer algo por nós e não pelos outros. Foi incrível. É um momento em que a gente se sente leve. Você consegue ver o amor que a gente tem por nós mesmas", disse.

Depois de receber tantas mensagens de apoio pelas decisões que tomou, a jovem quer reforçar a mensagem para que mais mulheres façam escolhas pensando em si e não por causa da opinião dos outros.

"Primeiro a gente tem que se amar, para os outros nos amarem. Quero que as mulheres saibam que elas são lindas, que são fortes, incríveis e que não deixem que ninguém faça com que você duvide disso. A força que uma mulher tem dentro é imbatível."

continua após publicidade

A jovem publicou nas redes sociais, nesta sexta-feira (13), a foto com o atual namorado, Ivandro Alex. Na legenda, escreveu que ele foi um amigo que se demonstrou como porto seguro até se tornar um novo amor.

Segundo a servidora, a decisão de buscar a própria felicidade foi a melhor escolha.

"É tão bom ter alguém do nosso lado que nos admira, nos respeita, que nos dá força para a gente seguir o nosso caminho, seja pessoal ou profissional. Tenho ao meu lado alguém que tenta me fazer feliz ao máximo, que valoriza o meu trabalho e cansaço do dia dia. Poder compartilhar um relacionamento assim está sendo incrível e único", contou.

continua após publicidade

O casamento

A servidora preferiu não revelar qual seria o prejuízo total que teria ao desmarcar o casamento. Mas contou ao g1 que, pelo contrato, teria que pagar multa de 40% sobre o valor total, além de arcar com "despesas, honorários de profissionais, taxas de administração, lucros cessantes, perdas e danos, custos e gastos já firmados" para a execução dos serviços contratados.

Ao todo, 200 pessoas estavam convidadas para a festa, que seria em um salão de festas que simula um castelo, em Colombo, na Região Metropolitana de Curitiba.