Cotidiano

Acusado de matar esposa para ficar com a sogra vai a júri junto com a amante e comparsa

Da Redação ·
Bruno José da Costa e Célia Forte mantinham um caso extraconjugal. Foto: Reprodução
Bruno José da Costa e Célia Forte mantinham um caso extraconjugal. Foto: Reprodução

Após três anos, nove meses e vinte e sete dias, Bruno José da Costa, 29 anos, Célia Forte, 50, e Bruno César Albino, 23, vão sentar no banco dos réus na próxima terça-feira no Fórum da Comarca de Apucarana. Os três são acusados de homicídio qualificado pela morte da autônoma Jéssica Carline Ananias da Costa, de 21 anos, esposa de Costa.

continua após publicidade

O crime, que aconteceu na madrugada do dia 9 de maio de 2013, na residência do casal, no bairro da Igrejinha, chamou a atenção na época não só pela violência, mas pelo envolvimento da mãe da vítima, Célia Forte. Ela é apontada em denúncia formulada pelo Ministério Público (MP) como coautora do homicídio (teria ajudado a planejar o assassinato da própria filha) e amante do genro, que confessou ter assassinado a esposa com mais de 20 facadas. 

Filha com a vítima
Bruno José da Costa tem uma filha com Jéssica que hoje está com 8 anos. A filha do casal, na época do crime com quatro anos, estava na moradia no momento do assassinato, mas dormia e não presenciou o homicídio.

continua após publicidade

Simulação de latrocínio

O casal de amantes, de acordo com o (MP), praticou o crime contando com a participação de Bruno Cezar Albino, que também responde por homicídio qualificado. Os três são acusados de simular um latrocínio (roubo seguido de morte) para consumar o plano de eliminar Jéssica.

Previsão de 20 horas de duração
Com três defensores diferentes – um para cada réu –, a previsão é de que o júri, que vai começar às 9 horas, deve demorar em torno de 20 horas. 

continua após publicidade

Credenciamento da imprensa
A Justiça providenciou o credenciamento de profissionais de imprensa para a cobertura jornalística do julgamento, que chama atenção pelo contexto de envolvimento dos réus. 

Com reportagem da jornalista Vanuza Borges, da Tribuna do Norte - Diário do Paraná