Cotidiano

Já chegam a 27 as mortes causadas pela dengue no Paraná

Da Redação ·
Mosquito  Aedes aegypti é o transmissor das duas doenças. (Foto Reprodução/arquivo)
Mosquito Aedes aegypti é o transmissor das duas doenças. (Foto Reprodução/arquivo)

O último boletim da dengue divulgado pela Secretaria de Estado da Saúde (Sesa) do Paraná na terça-feira (22) aponta que mais sete mortes foram provocadas pela dengue no Estado. Agora o número de óbitos provocados pela doença no Paraná totaliza 27 registros.

O número de casos confirmados de dengue no Paraná também aumentou. Agora são 15.946 casos confirmados da doença, dos quais 14.133 são autóctones e 1.813, importados. Conforme a Sesa, 36 municípios estão em situação de epidemia no Estado. A vacinação contra a dengue deve começar em agosto no Paraná.

continua após publicidade

Zika e chikungunya
Os registros de casos de zika e chikungunya também cresceram no Paraá. De zika vírus, foram contabilizados 190 casos, contra 129 da última semana. De acordo com a Sesa, 112 pacientes foram infectados no Paraná e 78 contraíram a doença fora do estado. Já de chikungunya foram constatados 40 casos, 38 deles importados. As Saúde Pública do Paraná reforça alerta sobre a importância de combater a procriação do mosquito aedes aegypti, transmissor da dengue, zika e chikungunya. A vacinação contra a dengue deve começar em agosto no Paraná.