Apucarana

Padrasto é preso suspeito de abusar de enteada especial

O homem tem um relacionamento com a mãe e tia da menina, todos moravam juntos, em Apucarana

Da Redação ·
Imagem ilustrativa da notícia Padrasto é preso suspeito de abusar de enteada especial
fonte: Pixabay\ ilustração
Padrasto é preso suspeito de abusar de enteada especial

Um homem de 40 anos foi preso nesta quinta-feira (24), suspeito de violentar  a enteada, uma garota especial de 12 anos, em Apucarana. A Delegacia da Mulher recebeu denúncia do abuso em abril deste ano. 

continua após publicidade

Conforme a polícia, o suspeito tem um relacionamento com a mãe da menina há aproximadamente seis anos. O que chama atenção, é que o homem também tem uma relação amorosa com a irmã da esposa, tia da garota. Todos moravam juntos na mesma casa.

"A garota contou que a violência sexual aconteceu uma única vez, mas ela deu riqueza de detalhes, falou que ele começou com beijos, enfim, ela relatou com detalhes o ato sexual, inclusive que ele ejaculou fora dela. Uma menina de 12 anos relatar um ato sexual assim não é comum", explica a delegada Luana Lopes. 

continua após publicidade

Ainda de acordo com a delegada, a prisão do homem é preventiva e a menina frequenta a APAE. "O padrasto tem uma relação com a mãe e a tia da menina e ele aproveitou a ausência delas na casa para cometer o abuso. O homem conheceu a esposa através da irmã dela. Ele nega o crime e falou que tem um relacionamento de pai com a menina", conta. 

O caso segue sendo investigado e a garota recebe acompanhamento psicológico. É o segundo de violência sexual registrado em Apucarana nesta semana. 

Na segunda, um padrasto de 44 também foi preso por violentar a enteada de 13 anos, que sofreu o primeiro abuso quando tinha apenas 10 anos. 

Tags relacionadas: #Apucarana #Polícia Civil