Facebook Img Logo
  1. Banner
Mais lidas
Apucarana

Água contaminada? Sanepar de Apucarana registra Boletim de Ocorrência contra informação falsa

.

Fotos: Sergio Rodrigo
Fotos: Sergio Rodrigo

O gerente regional da Sanepar em Apucarana Luiz Carlos Jacovassi registrou, na manhã desta terça-feira (03), um Boletim de Ocorrências (BO) na delegacia da cidade, contra uma falsa nota que está circulando nas redes sociais em nome da Sanepar. De acordo com a falsa nota, a empresa estaria recomendando que a população evitasse o uso da água por uma possível contaminação.

“Reitero que essa mensagem é falsa, e tem o único propósito de colocar a população em pânico. Registramos o BO na delegacia e agora os órgãos competentes devem identificar o responsável que se passou pela Sanepar e puni-lo de acordo com a lei”, disse Jacovassi.

Ainda de acordo com o gerente regional da Sanepar, a empresa garante a qualidade da água distribuída para a população e faz um controle rigoroso da qualidade da água. “As análises de qualidade são realizadas de hora em hora, 24 horas por dia, preconizando todas as orientações do Ministério da Saúde”, garante.

Uma nota oficial foi divulgada ontem (02), pela Sanepar, em resposta à reclamação de moradores sobre o sabor e cheiro da água. As queixas começaram há cerca de três dias, através das redes sociais, como Facebook e WhatsApp.

 
Confira a nota completa: 

"A Sanepar informa que o gosto sentido por moradores de Apucarana na água distribuída pela empresa nos últimos dias não oferece qualquer risco à saúde humana e animal.

Análises físico-químicas e biológicas realizadas pela Companhia atestam que a água atende a todos os parâmetros de potabilidade determinados pela Portaria de Consolidação número 5 do Ministério da Saúde.
O gosto na água tratada surgiu depois da ocorrência de chuvas fortes, após longo período de estiagem. As chuvas devem ter carreado ao manancial microalgas que conferem gosto à água. Apesar de não apresentar toxicidade, o gosto é percebido pelas pessoas. Essa percepção pode variar de pessoa para pessoa.

O problema já está equacionado, mas é possível que alguns moradores ainda sintam as alterações por conta da água armazenada nos reservatórios domiciliares e locais mais distantes, onde a troca da água na tubulação ocorre de maneira mais gradual.

Ressaltamos que a água distribuída é absolutamente segura e não representa nenhum risco à saúde".

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Edhucca

Últimas de Apucarana

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber