Facebook Img Logo
  1. Banner
Mais lidas
Apucarana

Saiba o que fazer em caso de picada de cobra e outros animais peçonhentos 

.

Cobra urutu cruzeiro, encontrada no Jardim Milani em Apucarana, é muito venenosa. Foto: Reprodução
Cobra urutu cruzeiro, encontrada no Jardim Milani em Apucarana, é muito venenosa. Foto: Reprodução

No último fim de semana, uma cobra urutu cruzeiro foi morta por moradores do Jardim Milani em Apucarana. Testemunhas disseram que a serpente tinha 1,60 m de comprimento e quase picou um homem. Só neste ano, 24 pessoas foram atacadas por cobras na região, oito somente em Apucarana.

O caso gerou alerta na população, pois a urutu cruzeiro é uma cobra muito perigosa. O veneno dela é considerado um dos mais tóxicos entre todas as cobras encontradas em território brasileiro.

O Corpo de Bombeiros alerta que a população deve entrar em contato pelo 193 quando a cobra ou outros animais peçonhentos oferecerem risco, ou seja, em caso de invasão do quintal ou até mesmo da casa. Do contrário, a Polícia Ambiental deve ser acionada para fazer o recolhimento do animal.

Em caso de ataque, em hipótese alguma deve-se amarrar ou tentar sugar o veneno no local da picada, nem cortar, aplicar borra de café, fumo ou fazer qualquer outro tipo de intervenção sem orientação técnica. Tais procedimentos podem ocasionar contaminação, necrose, amputações e até mesmo a morte da vítima. Ele disse ainda, que nunca se deve dar bebidas contendo álcool. 

A vítima picada pelo animal peçonhento deve ser encaminhada ára atendimento médico o mais rápido possível, pois quanto mais rápido o soro for ministrado, menor a chance do veneno provocar maiores danos e sequelas.

Em caso de ataque de animais peçonhentos, saiba o que fazer: 

Serpentes

A medida mais comum para evitar acidentes que envolvam serpentes é evitar os locais onde elas podem ser encontradas. Se tiver que entrar no habitat das serpentes a pessoa deve fazer isso calçando botas de cano longo, calças compridas de tecido grosso e camisa de manga comprida do mesmo tipo de tecido. Em depósitos de grãos, por exemplo, os cuidados devem ser redobrados e os trabalhadores devem se movimentar sempre com muita atenção. Em caso de ataque, a vítima deve procurar ajuda médica imediatamente na unidade de saúde mais próxima.

Escorpiões

Uma das maneiras mais comuns de os escorpiões entrarem em contato com os humanos é invadindo as residências por meios dos canos de esgoto, local onde vivem as baratas. Eles penetram no esgoto em busca das baratas, que lhes servem como alimento, e acabam acessando imóveis por meio dos ralos dos banheiros ou da cozinha. A recomendação é a vedação das tampas dos ralos que estiverem inutilizados. Outro local onde as baratas vivem, e onde os escorpiões podem ser encontrados, são as caixas de gordura das residências. Nesse caso a limpeza freqüente pode evitar o ataque desses animais.

Aranhas

Para prevenir e reduzir o número de acidentes com aranhas algumas das recomendações são: manter a casa limpa e a área ao seu redor e, evitar lixo e entulhos que podem servir de abrigo para muitos desses animais, tapar frestas e buracos nas paredes, tapar ralos de pias e de banheiros, examinar calçados e roupas pessoais, de cama e banho antes de usá-las e não colocar as mãos em tocas, buracos ou ocos de árvores.

Abelhas

A melhor prevenção é não se aproximar da colmeia. Para se proteger, é preciso usar botas, calças e camisas de manga comprida feita de tecido grosso.

Lagarta Lonômia

A única maneira de prevenir o contato com a lagarta lonômia é ter muita atenção. De coloração marrom-esverdeada, a lagarta gosta de ficar em grupo nos troncos das árvores, o que faz sua cor se confundir com o tronco. O veneno, que é transmitido quando a vítima entra em contato com as cerdas (espinhos) do corpo da lagarta, pode causar hemorragia cerebral. 

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Edhucca

Últimas de Apucarana

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber