Vale do Ivaí

Vale do Ivaí registra maior queda de mortes violentas do PR

Das 26 cidades da área da subdivisão, 19 não tiveram mortes por homicídio, latrocínio, feminicídio ou lesão corporal nos primeiros nove meses deste ano

Da Redação · GoogleNews

Siga o TNOnline
no Google News

Receba notícias no seu WhatsApp!
Participe dos grupos do TNOnline
Imagem ilustrativa da notícia Vale do Ivaí registra maior queda de mortes violentas do PR

O número de mortes violentas intencionais (MVI) reduziu em 12,82% nos nove primeiros meses de 2021 no Paraná, em comparação com janeiro a setembro do ano anterior. Os dados são da Secretaria de Estado da Segurança (Sesp). Em todo estado, a queda mais expressiva foi registrada na região da 17ª Subdivisão Policial (SDP), de Apucarana, que abrange 26 municípios do Vale do Ivaí, onde houve redução de mortes violentas intencionais em 64%, de 28 no ano passado para 10.

continua após publicidade

Das 26 cidades da área da subdivisão, 19 não tiveram mortes por homicídio, latrocínio, feminicídio ou lesão corporal nos primeiros nove meses deste ano. No mesmo período do ano passado, apenas sete municípios não tinham registrado nenhuma morte por um desses crimes.

As dez mortes registradas na região são todas classificadas como homicídios dolosos (quando há intenção de matar). Os municípios com maior número de casos registrados são Jandaia do Sul, São Pedro do Ivaí e Apucarana, com duas mortes cada (ver quadro).

continua após publicidade

Em Apucarana, maior município e sede da 17ª SDP, o número de homicídios caiu mais da metade. Foram cinco de janeiro a setembro de 2020. Segundo o delegado-chefe da subdivisão, Marcus Felipe da Rocha Rodrigues, o trabalho conjunto entre as forças de segurança e o alto índice de elucidação dos casos têm influência na redução.

“A gente consegue colocar o crédito nessa redução na cooperação entre as instituições de segurança pública não só na Comarca de Apucarana, mas nas demais Comarcas da área, com os delegados atuando em conjunto com a Polícia Militar”, comenta.

Segundo o delegado, além das 10 mortes registradas até setembro, mais 3 ocorreram, totalizando 13 inquéritos. “Até hoje temos 11 homicídios elucidados e com boa parte dos autores presos ou apreendidos. Acredito, portanto, que tenha contribuído para a redução dos homicídios o índice de resolução”, comenta.

continua após publicidade

PARANÁ

Em todo Estado, os quatro crimes analisados apresentaram redução no comparativo dos períodos de 2020 e 2021. No caso de homicídios dolosos, queda foi de 11,59% (de 1.511 para 1.354). Houve redução de 29,03% nos casos de lesão corporal seguida de morte (de 40 para 31), de 10,09% em feminicídio (de 55 para 49) e de 28,88% em roubo seguido de morte (latrocínio), de 45 para 32.