Vale do Ivaí

Temperaturas altas trazem preocupação com mosquito da dengue

Temperaturas altas trazem preocupação com mosquito da dengue; redobre os cuidados

Da Redação ·
Imagem ilustrativa da notícia Temperaturas altas trazem preocupação com mosquito da dengue
Temperaturas altas trazem preocupação com mosquito da dengue

Por incrível que pareça estamos no inverno, mas com temperaturas na casa dos 30 graus. Deste modo, com os termômetros nas alturas e o forte calor os casos de dengue podem aumentar consideravelmente, já que os mosquitos adoram este cenário. 

continua após publicidade

Por isso, o setor de epidemiologia da Secretaria Municipal de Saúde de São Pedro do Ivaí reforça, mais uma vez, que a população redobre os cuidados preventivos contra a Dengue, Zika vírus e Chikungunya. 

No último dia 9 de setembro, o Governo do Estado divulgou o terceiro informe da Dengue do período epidemiológico 2020/2021 que começou no dia 26 de julho. O total de casos confirmados no estado neste novo período é de 373. São Pedro do Ivaí não registrou nenhum caso confirmado de dengue, até o momento.

continua após publicidade

Por isso mesmo que a coordenadora de endemias da Secretaria de Saúde, Aline Verginia Teodoro, reforça que a população continue com os cuidados preventivos, não só no quintal, mas também dentro de casa.

“Os moradores devem acabar com todos os criadouros. Os depósitos de água parada precisam ser eliminados. Além disso, a vistoria no quintal ou dentro de casa a cada sete dias garante mais segurança, pois estaremos impedindo o mosquito de nascer”, afirma Aline. 

Para a secretária municipal de saúde, Simone Tavares, as equipes de endemias seguem com as visitas e orientações, mas o momento atual é delicado, pois há uma situação de risco duplo. 

continua após publicidade

“Além da pandemia da Covid-19, na qual estamos com ações em todas as frentes para reduzir os casos e cuidar das pessoas que estão em tratamento e isolamento domiciliar, nossas equipes de saúde seguem alertas para os casos de Dengue com o foco total na eliminação da proliferação do Aedes Aegypti”, disse a secretária. 

“O combate ao mosquito deve ser um compromisso de todos. O agente de endemias faz visita às casas para orientar as pessoas de tempos em tempos, mas quem está dentro de casa todos os dias é quem mora naquele local. Precisamos do apoio de cada cidadão, de cada família”, destacou a secretária municipal de saúde, Simone Tavares.