Vale do Ivaí

Suspeito de matar ex-morador de Lunardelli é preso em Curitiba

O suspeito foi preso na manhã de quinta-feira (10), em Castro, na região Central do Paraná

Da Redação ·
Rogério da Costa Fonseca
fonte: Reprodução
Rogério da Costa Fonseca

Um homem, de 26 anos, foi preso preventivamente por suspeita de envolvimento na morte do soldador Rogério da Costa Fonseca, de 38 anos, que havia sido dado como desaparecido em dezembro de 2019, em Curitiba. O suspeito foi preso na manhã de quinta-feira (10), em Castro, na região Central do Paraná.

continua após publicidade

Além dele, outras duas pessoas também já foram capturadas pela polícia. Entre eles, um homem de 27 anos que está preso desde fevereiro deste ano e um adolescente. De acordo com a polícia, o menor de idade teve os atos infracionais apurados pela Delegacia do Adolescente da Polícia Civil do Paraná.

Rogério, que estava desaparecido desde 14 de dezembro de 2019, teria ido a uma festa da empresa onde trabalhava, no bairro Umbará, em Curitiba, e não deu mais notícias.

continua após publicidade

No dia 9 de janeiro, em uma quinta-feira, o corpo dele foi encontrado boiando em um córrego na rua João Chede, na Cidade Industrial de Curitiba. Quem o encontrou foi um homem que teria ido às proximidades para urinar.

Fonte: Banda B