Vale do Ivaí

Região atinge 97% de imunização da população adulta

Em 10 municípios, ao menos 90% da população tomou a primeira dose, quatro estão acima da média estadual entre eles os maiores, Apucarana (97%) e Arapongas (97%)

Da Redação ·
Imagem ilustrativa da notícia Região atinge 97% de imunização da população adulta
fonte: AEN/ Ilustração
Região atinge 97% de imunização da população adulta

Dados do Vacinômetro da Secretaria de Estado da Saúde (Sesa), mostram que até a tarde de sexta-feira (24), 288.416 pessoas com 18 anos ou mais começaram sua imunização conta a doença.  A 16ª Regional de Saúde (RS) atingiu 97% da população adulta com a primeira dose da vacina anticovid. 

continua após publicidade

O índice é maior do que a média estadual alcançada na sexta de 95,28% da população adulta do Paraná. 

Conforme o relatório da Sesa, os municípios que mais aplicaram a primeira dose são Kaloré (113%), Borrazópolis (110%), Sabáudia (111%), Novo Itacolomi (104%) e Rio Bom (102%).

continua após publicidade

Em 10 municípios, ao menos 90% da população tomou a primeira dose, quatro estão acima da média estadual entre eles os maiores, Apucarana (97%) e Arapongas (97%). Abaixo somente São Pedro do Ivaí, com 83%. 

O secretário de Estado da Saúde, Beto Preto, diz que os índices alcançados pelos municípios que ultrapassaram 100% de imunização demonstram que existem mais pessoas para serem vacinadas do que a estimativa populacional informada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). “Os números demonstram que faz tempo que não se faz censo. Ao longo do tempo os municípios do Vale do Ivaí vêm crescendo e a estimativa prevista historicamente vem abaixando o índice populacional”, observa. 

O secretário tem expectativa de que todos os municípios vacinem 100% da população adulta ainda neste mês. Contudo, informa que existe uma parcela da população recusando se imunizar contra a Covid-19. Segundo ele, o índice está entre 3% a 5% da população. “O Paraná não vai chegar a 100% porque existem pessoas que não querem se vacinar. Nós vamos ultrapassar, mas precisamos da conscientização coletiva. A vacina tem conseguido blindar a circulação do vírus. Mas o vírus tenta burlar isso. Por isso existem as variantes. No Paraná já foram encontradas quatro sub linhagens da Delta. O que nos mostra que ela vai buscando superar a imunidade provocada pela vacina”, explica. 

continua após publicidade

O secretário disse que as pessoas que recusam o imunizante serão prezas fáceis. “Tivemos notícia de três pessoas da mesma família que foram a óbito em intervalo de oito dias. Esse é o resultado da não vacinação”, comenta.  

Nos 12 municípios do Vale do Ivaí pertencentes a 22ª Regional de Saúde (RS) a média de vacinação contra a Covid com a primeira dose (D1) atingiu 75%. O percentual significa que, das 297.356 pessoas adultas, 74.639 iniciaram o esquema vacinal. 

Conforme o vacinômetro da Sesa, todos os municípios da regional estão com média abaixo de 80%. Ivaiporã, sede do órgão, vacinou 78% da população com 18 anos ou mais com a primeira dose. Arapuã, Ariranha e Lidianópolis também vacinaram 78%. Os municípios com os menores índices de aplicação da D1 são Jardim Alegre (67%) e Cruzmaltina (69%). A média geral de vacinação dos 26 municípios do Vale do Ivaí mais Arapongas com a primeira dose da vacina contra Covid é de 91%. Segundo o vacinômetro da Sesa, até ontem 363.055 haviam começado a imunização. 

Por, Cindy Santos - Jornalista do Grupo Tribuna do Norte