Policiais militares que salvaram bebê em Cambira são homenageados - TNOnline
Mais lidas

    Vale do Ivaí

    Homenagem

    Policiais militares que salvaram bebê em Cambira são homenageados

    Policiais militares que salvaram bebê em Cambira são homenageados
    Foto por Divulgação
    Escrito por Fernanda Neme
    Publicado em 05.08.2020, 10:17:23 Editado em 05.08.2020, 13:00:01
    Associe sua marca ao jornalismo sério e de credibilidade, anuncie no TNOnline.

    A tarde de terça-feira (4) foi marcada por uma homenagem aos policiais militares envolvidos no salvamento de uma criança engasgada no dia 23 de julho, em Cambira. O soldado Alan Roberto Alves Laurindo, seu parceiro, o soldado Jonas Fernando Ribeiro, e a equipe da Rotam, de Jandaia do Sul, estavam em frente ao Destacamento Policial Militar, de Cambira, quando algumas pessoas saíram de uma residência pedindo socorro. 

    Imediatamente, os policiais foram de encontro à família, sendo que entre eles, um homem, desesperado, carregava um bebê de apenas 1 mês, dizendo que a criança havia se engasgado enquanto amamentava. No mesmo momento, o soldado Laurindo iniciou os primeiros socorros através da Manobra de Heimlich. Porém, como as vias aéreas continuavam obstruídas, os policiais levaram o recém-nascido até o Pronto Atendimento Municipal. 

    Durante todo o trajeto, a Manobra de Heimlich foi executada, mas ao perceber que o bebê não apresentava reação, e já estava com os lábios roxos, o soldado Laurindo necessitou sugar suas vias aéreas e neste momento a criança voltou a respirar. 

    Além de elogios, a equipe também recebeu uma placa. 

    Gostou desta matéria? Compartilhe!

    Mais matérias de Vale do Ivaí

    Deixe seu comentário sobre: "Policiais militares que salvaram bebê em Cambira são homenageados"

    O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.