Vale do Ivaí

Pedágio: Mauá da Serra vai ter prejuízo de R$ 3 milhões

Prejuízo corresponde a 8% do orçamento municipal

Da Redação ·
Imagem ilustrativa da notícia Pedágio: Mauá da Serra vai ter prejuízo de R$ 3 milhões
fonte: Geraldo Bubniak/AEN
Pedágio: Mauá da Serra vai ter prejuízo de R$ 3 milhões

O prefeito de Mauá da Serra, Hermes Wicthoff (PSD), calcula um prejuízo financeiro de R$ 3 milhões ao ano para o município, em função da desativação da praça de pedágio. Isso corresponde a 8% do orçamento municipal.

continua após publicidade

“São R$ 250 mil por mês de ISS que vamos deixar de receber durante o período de transição dos novos contratos de pedágio”, informa o prefeito. Segundo ele, essa situação trouxe uma dificuldade grande para o Poder Público Municipal na elaboração do Orçamento Municipal de 2022. “São 28 anos que víamos recebendo todo mês da concessionária uma quantia referente ao ISS, agora tivemos que tirar do orçamento”, diz ele, salientando que terá que buscar outras fontes de arrecadação para suprir essa lacuna.

A preocupação maior do prefeito, no entanto, é sobre quem vai cuidar da rodovia BR-376 e dos motoristas nos trechos compreendidos entre Mauá da Serra e Ortigueira e Mauá da Serra e Marilândia do Sul. Ele diz ter informação do governo de que o Samu de Apucarana é que vai socorrer os acidentes nesses trechos. Só que a distância de Apucarana até a Serra do Cadeado, por exemplo, é muito grande. Ele não sabe ainda que Mauá da Serra terá alguma responsabilidade na prestação de socorro aos acidentados.

Tags relacionadas: #Mauá da Serra #pedágio