Vale do Ivaí

Pai morre de Covid três meses após filha no norte do Paraná

O município enfrenta surto da doença e recentemente o prefeito endureceu as medidas de restrição

Da Redação ·
Imagem ilustrativa da notícia Pai morre de Covid três meses após filha no norte do Paraná
fonte: Arquivo pessoal
Pai morre de Covid três meses após filha no norte do Paraná

Morreu na manhã desta quarta-feira (29), Osmario de Jesus, também conhecido como “Neguinho Osmar”, aos 60 anos, que morava em Borrazóplos, no norte do Paraná, vítima da Covid-19. O município enfrenta surto da doença e recentemente o prefeito endureceu as medidas de restrição. 

continua após publicidade

Osmario morreu três meses após a filha, Daiane de Jesus, que faleceu aos 36 anos, também vítima da Covid-19.  Familiares e amigos lamentam nas redes sociais:

"Hoje (29/9) faleceu o meu amigo e irmão Osmário de Jesus, que muito carinhosamente chamávamos de Neguinho Osmar, vencido que foi pela terrível doença do Covid19. Sentiremos sua ausência, seu sorriso, seu bom humor, sua prestatividade. Aos familiares nossos sinceros pêsames e que Deus nosso Pai, possa confortar o coração de todos. Até breve Neguinho Osmar, nos encontraremos na volta de Jesus!!!" publicou um amigo. 

continua após publicidade

Morte da filha 

Faleceu no dia 27 de junho, a moradora de Borrazópolis, Daiane de Jesus, de 36 anos , que estava internada no Hospital da Providência em Apucarana, lutando contra a Covid-19, porém, não resistiu às complicações. 

Daiane era formada na área ambiental e trabalhou por quase oito anos na prefeitura de Manoel Ribas. Também atuou no Fórum de Faxinal. A morte dela gerou comoção na região. 

continua após publicidade

Borrazópolis antecipou toque de recolher para as 20 horas

O avanço de casos de covid-19 em Borrazópolis levou o prefeito Dalton Moreira a endurecer as medidas de contenção do vírus. Em decreto publicado na segunda-feira (20), o município antecipou o toque de recolher em vigência das 23 horas para as 20 horas, sendo válido até as 6 horas.

"O Art. 1º Institui, no período das 20 horas às 06 horas, do dia seguinte, diariamente, durante toda a vigência do presente Decreto, a restrição provisória de circulação em espaços e vias públicas (“toque de recolher”), impondo confinamento domiciliar obrigatório em todo território do Município de Borrazópolis", diz o decreto. As aulas seguem suspensas na rede municipal bem como a proibição da realização de shows.

continua após publicidade

Atualmente o município totaliza 1.319 diagnósticos positivos da doença, sendo que 1.128 pessoas estão curadas, são 157 casos ativos e 35 mortes pela Covid-19. 

Borrazópolis tem aproximadamente 6.290 habitantes, conforme dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística - IBGE. Segundo a saúde do município, 5.647 pessoas estão vacinadas, 87,7% dos moradores. 

No sábado (26), o prefeito do município se encontrou com o secretário de Estado da Saúde, Beto Preto. A Sesa acompanha a situação e evolução de casos. 

Tags relacionadas: #Borrazópolis #COVID-19 #morte