Vale do Ivaí

Motorista de caminhão surta e agride PM em Mauá da Serra

Policiais Militares precisaram usar spray de pimenta e algemar o caminhoneiro, que agrediu e ameaçou a equipe, que atendia um caso de acidente entre dois veículos na cidade

Da Redação ·
IMAGEM ILUSTRATIVA
fonte: PMPR
IMAGEM ILUSTRATIVA

Um motorista de caminhão, de 54 anos, de Mauá da Serra, viveu nesta quinta-feira (05) um “dia de cão”. Impaciente com a liberação do trânsito por causa de um acidente entre dois carros, no centro de Mauá da Serra, o homem passou a ofender e a ameaçar a equipe policial, que precisou usar spray de pimenta para conter o homem, que acabou preso por desacato e desobediência. Conforme testemunhas, o homem dizia que havia trabalhado o dia todo, estava cansado e queria passar para ir para casa.

continua após publicidade

A Policia Militar atendia a um acidente entre dois veículos, na rua Ponta Grossa, no centro de Mauá da Serra, pouco antes das 21 horas. Era um acidente sem vítimas, mas os dois veículos, danificados, ainda estavam parados no meio da rua. Estranhamente, o condutor do Fiat Palio, envolvido no acidente, abandonou o local após a colisão, deixando o veículo antes mesmo de falar com o condutor do outro carro acidentado, uma Dodge Journey.

Durante a checagem dos veículos, os policiais foram reorganizar o local para facilitar o andamento dos serviços. Um caminhão estava parado na contramão, de motor ligado, com o motorista do lado de fora. Quando foi pedido que o homem movesse o caminhão daquele ponto, o motorista passou a ofender os policiais, dizendo que estavam demorando muito e dizendo que eram “folgados”.

continua após publicidade

O homem teria passado a reclamar que não conseguia sair dali, dizendo que havia trabalhado o dia todo e que a policia estava demorando muito. Nesse momento, segundo os policiais, o homem disse que se a demora continuasse, iria entrar no caminhão e passaria por cima de todo mundo, até da polícia, quando passou a xingar os policiais.

A equipe deu voz de prisão ao homem, por desacato e desobediência, quando o caminhoneiro reagiu e, além dos palavrões, passou a agredir os policiais com socos e chutes. Os policiais usaram spray de pimenta e imobilizaram o motorista, que precisou ser algemado. Mesmo contido, o homem continuou ofendendo os policiais, dizendo que “ainda pego vocês”. Quando foi para ser colocado no camburão, o caminhoneiro ainda tentou chutar os policiais.

A unidade precisou acionar apoio do guincho e da equipe PM de Marilândia do Sul para remover os veículos acidentados, bem como para realizar os testes de etilômetros. O caminhoneiro testou negativo para uso de álcool e o caminhão dele ficou sob responsabilidade de um amigo, autorizado pelo homem, que foi preso.

continua após publicidade

No destacamento, conforme boletim, o motorista de caminhão estava mais calmo e passou a cooperar com a Polícia. Sem lesões, dispensou atendimento médico e pode se lavar para se limpar do spray de pimenta. Ele foi levado para a delegacia de Marilândia do Sul.

O Pálio abandonado no acidente foi removido para o pátio do destacamento para as medidas administrativas.