Jandaia do sul

Polícia Civil tenta localizar advogado que matou homem de 29 anos após discussão em festa

Da Redação ·

A Polícia Civil de Jandaia do Sul tenta localizar um advogado de 38 anos que matou a tiros um homem de 29 anos na noite de terça-feira (21) após uma discussão em uma confraternização. Mauro Lucas da Costa chegou a ser socorrido, mas morreu antes de dar entrada no Pronto Atendimento Municipal (PAM). Segundo o delegado de Jandaia do Sul, Gustavo de Pinho Alves, o crime aconteceu na Rua das Violetas, no Conjunto Mutirão I, onde vítima e autor participavam de uma festa na casa de um amigo em comum.

continua após publicidade

Segundo o delegado, testemunhas ouvidas nesta quarta-feira afirmaram que houve uma briga entre o advogado e a namorada. “Segundo as testemunhas, o autor teria inclusive agredido a moça e o Mauro interviu em defesa da mulher, gerando uma discussão entre eles”, afirma. O casal foi embora da festa mas, segundo as testemunhas, o advogado retornou cerca de meia hora depois. “Ele estava de moto e chamou Mauro até a calçada. Os dois discutiram novamente e a vítima acabou sendo alvejada por três disparos”, comenta.O autor dos disparos fugiu e não foi localizado até a publicação desta reportagem. “O autor do crime já foi identificado e qualificado e estamos na tentativa de localizá-lo”, comenta o delegado. 

Esse foi o primeiro homicídio registrado no ano em Jandaia do Sul.

Tags relacionadas: #ASSASSINATO