Ivaiporã

Instalação de novas empresas avança no parque industrial 

Da Redação ·
Imagem ilustrativa da notícia Instalação de novas empresas avança no parque industrial 
Instalação de novas empresas avança no parque industrial 

Implantado em 2016, o Parque Industrial I de Ivaiporã está em obras para instalação de mais duas empresas. Além dos cinco barracões já instalados no local, as margens da PR-466, que foram construídos pela prefeitura, estão em andamento as obras de uma fábrica de tintas, e de um fabricante de moveis. 

continua após publicidade

Dos cinco barracões prontos, três se encontram em operação desde o ano passado, um será ocupado até o fim do ano por uma cooperativa de costura da cidade. Para o imóvel ainda não ocupado, a prefeitura deve em realizar uma nova licitação, já que o vencedor do primeiro processo licitatório pediu a rescisão do contrato. Conforme o prefeito Miguel Roberto do Amaral (PSDB), as outras 10 empresas que receberam a concessão de terrenos têm até o dia 21 de dezembro para o início das obras.

“A infraestrutura foi concluída no início do ano e as empresas estão aptas a iniciarem as obras. Temos conversado com os empreendedores e estamos confiantes que as construções serão iniciadas no prazo”, assinala Miguel Amaral. 

continua após publicidade

No Parque Industrial II, que está localizado na mesma rodovia, nas proximidades do Posto Ouro Verde, a Prefeitura tem um contrato de concessão de uso de uma área de 40 mil metros com o empresário argentino Alejandro Rodríguez Tomietto, presidente da empresa Prensas La Mundial, de Buenos Aires. No local Tomietto vai construir uma fábrica para a produção de tornos industriais, hidráulicos e fabricar produtos na linha de alimentação automática. 

“O Alejandro esteve aqui recentemente e apresentou o projeto. Agora vamos fazer a terraplanagem, e ele vai contratar a construtora para começar as obras”. 

No início da produção, a empresa prevê a contratação de 75 funcionários, a expectativa é que em 10 anos sejam abertas 400 novas vagas de emprego. Os investimentos previstos para a instalação são de U$ 6 milhões. A previsão a empresa é investir U$ 2 milhões na construção de 25 galpões e mais U$ 4 milhões na compra de maquinários. O prefeito lembra que é um projeto que vem sendo negociado há mais de três anos. “As conversas iniciaram quando eu ainda era o presidente da associação comercial”, comemora Miguel Amaral.Ainda no Parque Industrial II, uma fábrica de implementos agrícolas aguarda a terraplanagem para o início da construção do barracão. 

PRORROGA
Maior empreendimento previsto para o município, a Agroindustrial Vale do Ivaí S.A recebeu a cessão de um terreno de 10,5 alqueires para a construção de uma fábrica de ração e um abatedouro de aves teve prazo para início das obras prorrogado. As obras teriam que ter sido iniciadas em julho. “Com a anuência de uma audiência pública, fizemos a prorrogação do prazo até abril de 2019. Pedimos para que o empresário faça a definição depois com um novo governo”, explana Miguel Amaral. 

Tags relacionadas: #IVAIPORÃ