Vale do Ivaí

Golpe do dinheiro fácil faz vítima em Jandaia do Sul

Promessa de dinheiro fácil em perfil de rede social, faz com que jovem de Jandaia caia numa das versões do velho conto do vigário, pela internet

Da Redação ·
Receba notícias no seu WhatsApp!
Participe dos grupos do TNOnline
imagem ilustrativa
fonte: Pixabay
imagem ilustrativa

Em tempos de economia bicuda e uma verdadeira avalanche de promessas de enriquecimento rápido pela internet, muita gente cai em golpes, todos os dias, seduzida pela promessa de dinheiro fácil ou por pura ingenuidade. No ambiente digital, o velho golpe do conto do vigário foi reinventado e tem inúmeras formas de ser realizado. E muitos, através das redes sociais hackeadas.

continua após publicidade

Em Jandaia do Sul, na tarde desse domingo (15), um jovem de 23 anos registrou um boletim de ocorrência denunciando ter sido vítima de um estelionato. Ela compareceu à sede da PM, informou que caiu num golpe aplicado através de uma rede social, que a levou a fazer um pix para uma conta bancária.

A jovem relatou que viu em um perfil social de uma pessoa conhecida que a mesma estaria anunciando um investimento que permitiria retorno após apenas 30 minutos. Quem participasse poderia receber de volta uma quantia de dinheiro maior que o valor investido. Segundo ela, para mostrar confiança, a pessoa dava garantia de que se o retorno não ocorresse como prometido, ela faria a devolução do valor investido.

continua após publicidade

A promessa de dinheiro fácil e rápido seduziu a jovem, que relatou à polícia militar que solicitou a chave pix e transferiu um valor em dinheiro, através de duas operações. A conta da pessoa favorecida é de um conhecido banco digital.

A vítima relatou ainda que, pouco tempo depois, visualizou o perfil da mãe da pessoa que fazia o anuncio na rede social. Nesse perfil, a mãe informava, numa postagem, que o perfil da filha havia sido hackeado.  Na Polícia Militar, a vítima foi orientada a comparecer na delegacia de Polícia Civil de Jandaia do Sul para procedimentos cabíveis ao caso.

GoogleNews

Siga o TNOnline no Google News