Vale do Ivaí

Com preço em alta, milho safrinha ganha espaço

Na sexta-feira (19), o preço do milho em Ivaiporã era de R$ 79 a saca

Da Redação ·
 Na sexta-feira (19), o preço do milho em Ivaiporã era de R$ 79 a saca
fonte: TN Online
Na sexta-feira (19), o preço do milho em Ivaiporã era de R$ 79 a saca

Com a finalização da colheita da soja, o plantio do milho safrinha segue acelerado. Segundo o levantamento do Departamento de Economia Rural (Deral), 75% da área de lavouras destinadas a cultura nos 15 municípios da área de abrangência do Núcleo Regional da Seab de Ivaiporã já foram semeadas.

continua após publicidade

A área plantada com milho safrinha na regional deve crescer quase 20% para, no mínimo, 60 mil hectares, projetou o engenheiro agrônomo do Deral, Sergio Empinotti. “Na safra anterior o plantio foi de 50,1 mil hectares”, disse. 

Para o agrônomo, o aumento de área de cultivo do cereal se deve principalmente ao mercado em alta. Na sexta-feira (19), o preço do milho em Ivaiporã era de R$ 79 a saca de 60 quilos. Na temporada passada nesta mesma, época, o mercado do milho em Ivaiporã estava cotado à R$ 42,40 a saca.

continua após publicidade

Além disso, segundo Empinotti, o plantio do milho também possibilita o uso mais racional dos fatores de produção.  

“Por falta do produto, o preço está lá em cima, e os produtores viram uma possibilidade maior de ter um melhor rendimento. O plantio do milho, também vai proporcionar para os produtores que que estavam há muito tempo só com o plantio do trigo reposição de material orgânico no solo”, comenta Empinotti. 

Ainda segundo Empinotti, da área plantada com o cereal até agora 60% encontra-se em fase de germinação e 40% em início de fase de desenvolvimento vegetativo. 

continua após publicidade

“O clima está propício para o desenvolvimento das lavouras, as chuvas têm chegado na hora e na quantidade certa aqui na região. As temperaturas frias a noite tem mantido um pouquinho mais a umidade do solo, e a palhada vem conservando a umidade”, comenta. 

As boas condições climáticas nas últimas semanas também favoreceram a colheita da soja na região, que atingiu nesta semana 80% da área cultivada de 163 mil hectares.