Vale do Ivaí

Círculo no céu deixa moradores do PR intrigados; veja

O círculo foi registrado nos céus de Apucarana e em cidades da região

Da Redação ·

Moradores de Apucarana e de outras cidades do norte do Paraná ficaram intrigados com um grande círculo de fumaça no céu, que apareceu na tarde de segunda-feira (24). Nas redes sociais, internautas queriam saber o que era. 

continua após publicidade

Um morador de Kaloré, que fica no Vale do Ivaí, chegou a gravar um vídeo e até brinca, falando que pela primeira vez viu um jato fazer curva.  E foi isso mesmo que aconteceu, um avião fez o círculo, que foi visto até em Maringá.

Segundo uma pesquisa no aplicativo Flight Radar, o círculo foi registrado nos céus de Apucarana, por volta das 12h37, por uma aeronave Hawker IU- 93A, do Grupo Especial de Inspeção em Voo da Aeronáutica. 

continua após publicidade

De acordo com os especialistas, essa aeronave faz inspeção nos céus do Brasil para melhorar a navegação de aeronaves. O avião Hawker IU- 93A é responsável por medir, aferir e calibrar equipamentos auxiliares à navegação aérea instalados em aeroportos. 

Conforme o aplicativo, o avião passou por Apucarana, fez um circulo por Bom Sucesso, São Miguel do Cambuí, Mandaguari, Jandaia do Sul, Kaloré e seguiu por São Pedro do Ivaí. VEJA:

 Círculo no céu deixa moradores do PR intrigados; veja - Vídeo por: tnonline   

continua após publicidade

Por que os aviões a jato deixam um rastro no céu? 

Porque o vapor d´água que sai de suas turbinas congela na hora, transformando-se em cristais de gelo suspensos na atmosfera. Isso, porém, não acontece sob qualquer circunstância.

O ar precisa estar a uma temperatura de pelo menos 35ºC negativos, ou seja: o avião tem que voar a pelo menos 10 quilômetros de altura, se estiver nas regiões equatorial ou temperada, ou a 5 quilômetros, nas de clima mais frio.

continua após publicidade

Além disso, a umidade relativa do ar deve estar em torno de 65%. Sem falar que a trilha só é visível se o céu estiver limpo, com poucas nuvens. Se, além das circunstâncias favoráveis, já houverem cristais de gelo suspensos na atmosfera, eles se juntam ao rastro da aeronave. Assim, a trilha pode crescer e ficar no ar por várias horas.