Vale do Ivaí

480 animais são castrados no período de 11 meses em Ivaiporã

Os atendimentos foram possíveis graças à parceria estabelecida entre a Prefeitura de Ivaiporã e Amuvi

Da Redação ·
Receba notícias no seu WhatsApp!
Participe dos grupos do TNOnline
Enquanto a Amuvi disponibiliza a veterinária Camila Agostinho, a Prefeitura oferece os medicamentos
fonte: Assessoria de Imprensa - Prefeitura de Ivaiporã
Enquanto a Amuvi disponibiliza a veterinária Camila Agostinho, a Prefeitura oferece os medicamentos

Entre agosto de 2021 e julho de 2022 foram castrados 480 cães e gatos pertencentes a famílias de baixa em Ivaiporã. Os atendimentos foram possíveis graças à parceria estabelecida entre a Prefeitura de Ivaiporã e a Associação dos Municípios do Vale do Ivaí (Amuvi).

continua após publicidade

As 480 castrações foram feitas pela veterinária da Amuvi, Camila Agostinho, no Castramóvel estacionado no Departamento de Meio Ambiente e Serviços Urbanos de Ivaiporã, onde os animais de estimação são atendidos no consultório devidamente equipado com instrumentos cirúrgicos.

Enquanto a Amuvi disponibiliza a veterinária Camila Agostinho, a Prefeitura oferece os medicamentos e profissionais da área veterinária para auxiliar nos procedimentos.

continua após publicidade

O objetivo é controlar a reprodução dos animais – especialmente pertencentes a famílias de baixa renda e animais de rua. O serviço é disponibilizado aos 26 municípios que compõem a Amuvi.

“O serviço é muito importante para o município, porque diminuir o número de cães e gatos – principalmente aqueles que vivem nas ruas; reduz agressões entre os machos; e a previne câncer de mama nas fêmeas”, exemplificou a diretora do Departamento de Meio Ambiente, Denise Kusminski. A meta é encerrar 2022 com 1.000 cães e gatos castrados.

Segundo Denise Kusminski, os servidores do Departamento de Meio Ambiente e Serviços Urbanos têm certa dificuldade em recolher animais abandonados para castrar, uma vez que a maioria não permite aproximação. Mas alguns cães conhecem os moradores de determinados bairros, onde são alimentados. “Nestes casos, os moradores poderiam ajudar a pegar o animal para castrar e cuidar no período pós-operatório. Afinal, os animais abandonados são prioridade no controle da reprodução”, sugeriu a diretora. 

continua após publicidade

Quem tiver interesse em castrar o animal de estimação deve ir ao Departamento de Meio Ambiente e Serviços Urbanos – anexo ao Parque Jardim Botânico, levar os documentos pessoais, comprovante de residência e de baixa renda (prioridade) e fazer o cadastro do animal.

O atendimento no Castramóvel encerrou nesta sexta-feira, dia 22 de julho, e voltará a atender entre os dias 31 de outubro e 11 de novembro.

 

 Os animais de estimação são atendidos no consultório devidamente equipado com instrumentos cirúrgicos fonte: Assessoria de Imprensa - Prefeitura de Ivaiporã
Os animais de estimação são atendidos no consultório devidamente equipado com instrumentos cirúrgicos
GoogleNews

Siga o TNOnline no Google News