Mais lidas

    TribunaPlay

    TribunaPlay

    Vereador acusado de agredir mulheres tem mandato cassado

    Escrito por Da Redação
    Publicado em 03.05.2022, 10:12:46 Editado em 03.05.2022, 10:12:45
    GoogleNews

    Siga o TNOnline
    no Google News

    Associe sua marca ao jornalismo sério e de credibilidade, anuncie no TNOnline.

     

    A Câmara Municipal de Arapongas - que fica a 380 quilômetros da capital paranaense - decidiu pela cassação do mandato do vereador Paulo César de Araújo (DEM), conhecido como Pastor do Mercado, que é acusado de agredir três mulheres, inclusive uma idosa. Ele está preso desde janeiro, na Penitenciária Estadual de Londrina. Araújo teve seu mandato cassado por 13 votos favoráveis e uma abstenção, durante sessão ordinária que durou cerca de dez horas, realizada na noite desta segunda feira (02) e madrugada desta terça (03). Houve um pequeno tumulto durante a sessão e a guarda municipal precisou ser acionada para retirar uma mulher das galerias da Câmara. A denúncia contra Paulo César foi protocolada pelo presidente do Legislativo, Rubens Franzin Manoel – o Rubão, por suposta infração no disposto do inciso III do art. 7º do Decreto Lei 201/67 – faltar com o decoro em sua conduta pública. Paulo César está preso preventivamente desde o final do mês de janeiro na Penitenciária Estadual de Londrina (PEL), acusado de agredir três mulheres, uma delas, já idosa. tnonline
     


    Gostou desta matéria? Compartilhe!

    Mais matérias de TribunaPlay

    Deixe seu comentário sobre: "Vereador acusado de agredir mulheres tem mandato cassado"

    O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.