Mais lidas

    Revista UAU!

    EUA

    Vinícius Landgraf, de auxiliar de mecânico a empresário

    Vinícius Landgraf, de auxiliar de mecânico a empresário
    Foto por Reprodução
    Vinícius Landgraf, de auxiliar de mecânico a empresário
    Foto por Reprodução
    Vinícius Landgraf, de auxiliar de mecânico a empresário
    Foto por Reprodução
    Escrito por Da Redação
    Publicado em 17.05.2021, 13:34:15 Editado em 17.05.2021, 13:34:16
    Associe sua marca ao jornalismo sério e de credibilidade, anuncie no TNOnline.

    Vinicius Landgraf Demarchi, empresário do ramo de Janitorial Service, sempre foi apaixonado por carros e veículos automotores. Desde pequeno, praticava trilhas com motos e gaiolas, sendo frequentador assíduo de autódromos para assistir corridas e participar de Track Days.

    Garoto muito comunicativo com grande facilidade para estabelecer vínculos com outras pessoas, independente da faixa etária. Abandonou os estudos no ensino fundamental, pois percebeu, ainda na adolescência, que precisava de mais liberdade para pensar pela sua própria cabeça. “Eu prefiro ser essa metamorfose ambulante do que ter aquela velha opinião formada sobre tudo”. A música de Raul Seixas explicava sua vida naquele momento.

    Em constante movimento abastecido com adrenalina aditivada fazia coisas que ninguém sequer sonhava fazer. Tinha capacidade de executar funções que poucas pessoas eram capazes. Diversas vezes errou falhando miseravelmente, em outras chegou a machucar feio, mas também conseguiu, em sua trajetória, aprender que na vida o importante era vencer seus próprios desafios superando todos seus limites, conquistando aquilo que poucos tinham coragem de tentar. Em sua cabeça, só fazia sentido chegar ao topo do Pão de Açúcar, no Rio de Janeiro, se fosse escalando sem uso do teleférico. Com espírito competitivo a palavra desistir nunca fez parte do seu dicionário.

    “Meu primeiro emprego foi como ajudante de mecânico em uma oficina. Procurava aprender tudo que meu chefe sabia, principalmente as coisas que ele dizia que o detentor do conhecimento seria mais bem remunerado no mercado. Acordava às quatro da manhã para chegar ao trabalho às seis e para isso era necessário pegar três ônibus para completar o trajeto. Interessado em aprender mais sobre o mundo automotivo troquei o trabalho na oficina por uma funilaria”, conta Vinícius.

    O desejo de aprender e crescer fez testar diversas experiências. Auxiliar de mecânico numa empresa nacional de grande porte, analista de logística em outra empresa nacional até que resolveu mudar para os Estados Unidos. Era uma decisão muito difícil, abandonar o que havia construído com esforço, deixar para trás amigos e familiares, tudo que realmente tinha importância em sua vida.

    Vinícius Landgraf planeja expansão dos negócios

    Começou a trabalhar nos Estados Unidos como zelador em um mercado. O salário era baixo, mas dava pra sobreviver. Acumulando trabalhos de zelador em locais diferentes foi conciliando outras oportunidades conseguindo trabalhar em quatro mercados ao mesmo tempo. Decidiu nesse momento abrir sua própria empresa de Janitorial Service. Teve uma época em que atendia mais de seis mercados ao mesmo tempo e sendo dono da empresa tinha uma remuneração maior.

    Hoje, tem uma equipe bem estruturada e preparada que trabalha em sua empresa, permitindo ampliar o número de clientes e, consequentemente, aumentar a renda. Tem uma carga grande de trabalho, mas pode ter tudo que sempre sonhou ter na vida. De auxiliar de mecânico a empresário bem sucedido nos Estados Unidos. Dedica suas horas livres aos estudos do mercado, principalmente sobre marketing digital e afins. Tem como objetivo expandir seu ramo de negócios, e já tem novos mercados em foco para os próximos anos.

    Seu instagram é @vinicius.landgraf onde seus conteúdos podem ser acessados .

    Gostou desta matéria? Compartilhe!

    Mais matérias de Revista UAU!

    Deixe seu comentário sobre: "Vinícius Landgraf, de auxiliar de mecânico a empresário"

    O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.