Revista UAU!

Luísa Mell se pronuncia após resgatar cães de 'casa abandonada'

A ativista usou as redes sociais para se pronunciar após realizar o resgate de duas cadelas que estavam na casa de Margarida Bonetti

Da Redação ·
Receba notícias no seu WhatsApp!
Participe dos grupos do TNOnline
A ativista se defendeu das críticas que vinha recebendo por conta do caso
fonte: Reprodução/Instagram
A ativista se defendeu das críticas que vinha recebendo por conta do caso

Luísa Mell, de 43 anos, utilizou as redes sociais para se pronunciar após realizar o resgate de duas cadelas que estavam na casa de Margarida Bonetti, a "Mulher da Casa Abandonada". A apresentadora e ativista sofreu algumas críticas por ter realizado a ação.

continua após publicidade

Luísa fez uma publicação no Instagram explicando como tudo ocorreu. "Fomos chamados [à casa de Bonetti], pois havia denúncias que tinham gatos dentro da casa. Foi encontrada mais uma cachorra debilitada, que já está sob nossos cuidados. Há 15 dias resgatamos duas. Uma com um tumor enorme e as duas com exames de saúde muito alterados. A casa é insalubre, imunda e coloca em risco toda a saúde da comunidade em torno", detalhou, na legenda da publicação.

A ativista também se defendeu das críticas, alegando que a pessoa 'malvada' da história é Margarida Bonetti, que é foragida da Justiça norte-americana por manter sua ex-empregada doméstica em condições análogas à escravidão por duas décadas. 

continua após publicidade

"A criminosa é a Margarida. A vítima desta história é a mulher analfabeta que foi escravizada e maltratada por 20 anos! Não confundam as coisas. Ela nunca pagou pelo crime seríssimo que cometeu. E nem vai pagar. Inacreditavelmente. E tem gente ainda querendo transformar em vítima a vilã da história", afirmou.

Ver essa foto no Instagram

Uma publicação compartilhada por Luisa Mell (@luisamell)

GoogleNews

Siga o TNOnline no Google News