Revista UAU!

“Deviam abrir mão de hospital”, diz Fátima sobre aglomeração

A apresentadora sugeriu que as pessoas que não respeitam o distanciamento social, abram mão do atendimento nos hospitais

Da Redação ·
Imagem ilustrativa da notícia “Deviam abrir mão de hospital”, diz Fátima sobre aglomeração
fonte: Divulgação/TV Globo
“Deviam abrir mão de hospital”, diz Fátima sobre aglomeração

Durante a pandemia, ocasionada pela Covid-19, algumas medidas foram tomadas para evitar o contágio da doença. Entre essas normas, há o distanciamento social, que tem por finalidade evitar aglomerações, por exemplo. 

continua após publicidade

Porém, muitos, ainda, desrespeitam o distanciamento e, isto, fez com que a apresentadora Fátima Bernardes criticasse as festas clandestinas, que estão acontecendo atualmente no país. Ela também sugeriu que as pessoas que não respeitam as medidas, abram mão do atendimento nos hospitais. 

“A minha vontade é que essas pessoas assinassem termos abrindo mão de vagas nos hospitais, porque tem muita gente precisando de vaga e não conseguindo, e tá dentro de casa, muitas vezes acaba se contaminando”, disse ela, visivelmente irritada.

continua após publicidade

“É muito triste. A gente precisa respeitar o outro, a respeitar normas e regras”, completou.

Fátima fez o comentário após a jornalista Michelle Loreto mostrar um grupo de pessoas aglomerando em uma balada clandestina, em São Paulo. 

Na quinta (23/6), a apresentadora também criticou o Papa Francisco, que aparece em um vídeo compartilhado pelo presidente Jair Bolsonao sem máscara, ao redor de fiéis.

continua após publicidade

“É importante dizer que tanto o presidente Jair Bolsonaro, quanto o papa Francisco estão errados e equivocados”, afirmou ela que defendeu o uso responsável das máscaras de proteção.

Com informações; Metrópoles.