Região

Cooperativa de Jardim Alegre recebe plantadeira de grãos orgânicos

O programa Paraná Mais Cidades é uma parceria entre o Governo do Estado e a Assembleia Legislativa

Da Redação ·
A assinatura do Termo de Comodato com a Cocavi
fonte: TN Online
A assinatura do Termo de Comodato com a Cocavi

A Cooperativa de Comercialização Camponesa do Vale do Ivaí (Cocavi), do Assentamento 8 de Abril de Jardim Alegre recebeu nesta quarta-feira (22), uma plantadeira para a produção de grãos orgânicos.  A aquisição do maquinário feito pela Prefeitura de Jardim Alegre através do deputado estadual Professor Lemos (PT) junto ao Paraná Mais Cidades.

continua após publicidade

O programa Paraná Mais Cidades é uma parceria entre o Governo do Estado e a Assembleia Legislativa formalizado por meio de convênios, por intermédio das secretarias envolvidas e com a indicação dos deputados estaduais.

Durante a assinatura do Termo de Comodato com a Cocavi, o prefeito José Roberto Furlan, lembrou que a indicação do equipamento foi realizada pelo vereador José Roberto de Matos (PT), conhecido como Maguila. “Jardim Alegre está muito bem representada pelos nossos vereadores fazendo o possível e o impossível para correr atrás de recursos. É o nosso povo unido para o bem da população, é um equipamento destinado para a nossa maior indústria que é a agricultura. E temos que facilitar para que o homem do campo possa viver com mais qualidade e produzir alimento cada vez mais saudável”.

continua após publicidade

Digerson Santos da Silva, presidente da Cocavi disse o  maquinário representa possibilidade  de aumentar a eficiência e a produtividade dos agricultores assentados na 8 de Abril. “É um maquinário que chega para auxiliar pelo menos 10 famílias que estão envolvidas no plantio de grãos orgânicos e vai proporcionar desenvolvimento e renda para essas famílias”.

Para a chefe do Núcleo Regional de Ivaiporã da Seab,  Vitória Maria Montenegro Holzmann, o Paraná Mais Cidades visa fazer com que os recursos cheguem na ponta de forma ágil e rápida. “Isso dá mais transparência, é feito um plano de trabalho e a partir do repasse do equipamento, a cada seis meses a cooperativa ou associação faz a prestação do que está sendo feito com o maquinário. É bom para os produtores e para os deputados que colocam essas emendas, e passam a ter a garantia que os recursos estão sendo bem aplicados”.  

continua após publicidade
Tags relacionadas: #Jardim Alegre