Região

Carro furtado em Maringá é recuperado em Marialva

Da Redação ·
Imagem ilustrativa da notícia Carro furtado em Maringá é recuperado em Marialva
fonte: PRF
Carro furtado em Maringá é recuperado em Marialva

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) recuperou um carro furtado na tarde de segunda-feira (3), em Marialva. O autor do furto conseguiu fugir e até a publicação desta reportagem, não havia sido preso.

continua após publicidade

Segundo a polícia, uma equipe visualizou o VW Gol trafegando no quilômetro 189 da BR-376. Com a aproximação da viatura, os agentes perceberam que o condutor efetuou de forma abrupta uma manobra de mudança de direção, adentrando em uma alça de retorno, no sentido à cidade de Marialva.

Diante de tal conduta, os agentes checaram a placa e constataram que este veículo, um VW/GOL, ano 1998, havia sido furtado na frente da casa de seu proprietário no dia 1º deste mês, em Maringá. 

continua após publicidade

Os agentes da PRF retornaram sentido Marialva na tentativa de abordagem deste veículo, porém seu condutor conseguiu evadir-se para um bairro antes da chegada da equipe policial. Em diligências, os agentes localizaram o veículo já abandonado na rua dos Cardeais, esquina com a rua A. Houve rondas na região na tentativa de identificar o condutor, porém este não foi encontrado. 

Dentro deste veículo, haviam ferramentas utilizadas na construção civil, como serra elétrica e outros objetos, os mesmos constantes no registro feito pelo proprietário junto à Polícia Civil.

Após realizada identificação veicular, constatou-se que haviam avarias na porta do motorista, possivelmente causada no ato do furto. Ainda foi encontrado um garfo com os "dentes" modificados, sendo este possivelmente o instrumento utilizado para dar partida na ignição.

O veículo foi encaminhado à Delegacia da Polícia Civil de Maringá  para registro de sua recuperação e após, restituição ao seu proprietário. As investigações seguirão por parte da autoridade policial, na tentativa de identificação do autor ou autores deste crime.