Facebook Img Logo
  1. Banner
Mais lidas
Região

Marilândia do Sul terá arrastão de combate à dengue promovido pela Prefeitura

.

A ação será realizada entre os dias 10 e 14 de fevereiro. Moradores deverão fazer a limpeza dos quintais e colocar na calçada, objetos que acumulem água parada, para que a equipe do arrastão possa fazer a destinação correta dos resíduos.  

SAIBA QUANDO O ARRASTÃO VAI PASSAR PELO SEU BAIRRO:

·         DIAS 10 e 11/02 – ÁREA CENTRAL

·         DIA 12/02 – LEÃO DO NORTE

·         DIA 13/02 – SÃO JOSÉ

·         DIA 14/02 – NOVA AMOREIRA

Temendo um avanço da Dengue no município, a Prefeitura de Marilândia do Sul decidiu agir para evitar que a cidade entre em estágio de epidemia da doença que se torna ainda mais perigosa nos meses mais quentes do ano. Administração Municipal, Secretaria de Obras, Vigilância Sanitária e Departamento de controle de Endemias se preparam para cinco dias de uma verdadeira força-tarefa.  

Os moradores deverão recolher todo tipo de material que possa acumular água e colocar na calçada nas datas programadas para que a equipe possa fazer o recolhimento dos objetos e na sequência, a destinação correta. O sucesso da ação depende muito da adesão da comunidade.

O arrastão começa no dia 10/02 com as ações sendo concentradas na área central de Marilândia do Sul, trabalho que irá continuar também no dia 11/02. No dia 12 de fevereiro será a vez dos moradores do Leão do Norte participarem, enquanto no Distrito de São José o trabalho acontece no dia 13 e em Nova Amoreira no Dia 14/02.

Após as datas programadas todos os proprietários dos locais onde forem encontrados lixos e entulhos serão multados pela vigilância sanitária. “O acúmulo de água parada é a condição ideal para a proliferação do mosquito da Dengue, por isso, é tão importante que a população se conscientize e faça a limpeza dos quintais." Comentou o Secretário de Administração e Planejamento, Aristides Bueno Junior.

A Dengue é uma das doenças transmitidas pelo mosquito Aedes Aegypti, pode ser assintomática, algumas pessoas confundem com gripe, em sua forma mais grave pode levar a morte. Em todo o Paraná, já são 34 cidades em situação de epidemia. 

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Últimas de Região

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber