Facebook Img Logo
  1. Banner
Mais lidas
Região

Volante Germano se aposenta e vira dirigente do Londrina

.

O experiente volante Germano, de 38 anos, anunciou a sua aposentadoria no primeiro dia do ano de 2020. Identificado com o Londrina e com passagens por Santos, Coritiba, Atlético-MG e Sport, o agora ex-jogador confirmou que deixou os gramados, mas não largou o futebol. A partir de agora, Germano será o novo executivo de futebol do Tubarão para a temporada de 2020.

No Londrina, Germano jogou por vários. Defendeu as cores do Tubarão nos anos de 2001 a 2004, em 2013 e de 2015 até o ano passado. A temporada de 2019 não foi boa, pois marcou o rebaixamento do time londrinense para a terceira divisão do futebol brasileiro. No entanto, o ex-jogador viveu grandes momentos, especialmente com a ascensão do clube no cenário do futebol nacional.

Sua despedida foi pelas redes sociais. Germano, bastante emocionado na sua postagem, comentou sobre toda a sua trajetória no futebol e também sobre a dificuldade de tomar essa decisão nesse momento.

Confira um trecho da postagem:

“Com lágrimas escrevo esta carta, muito difícil encontrar palavras para poder expressar o sentimento, afinal ao longo de 20 anos usei os pés para poder falar o que sentia.Nesses últimos dias está cada vez mais difícil acordar desse sonho, mas chegou a hora de levantar e despertar para essa nova realidade.A minha cabeça roda e logo me pego pensando em cada momento que passei em Londrina. Era dezembro de 2000, chega na rodoviária de Londrina um menino cheio de sonhos e medos.Vou para o VGD e ali se torna a minha casa, meu abrigo, meu lugar secreto, meu consolo, minha esperança… logo o menino de São Pedro do Iguaçu estreia pelo profissional: Joinville x Londrina, pelo Brasileiro Série B. Aí começam a serem escritas as primeiras páginas dessa linda história com o LEC. Os capítulos dessa história vão ganhando forma: o primeiro gol contra a Desportiva-ES, também pelo Brasileirão Série B e quando percebi, o menino já não era mais um menino, era um homem com desejos, metas, sonhos, que via o futebol como uma forma de vencer na vida, aquela brincadeira de criança agora era minha profissão. Passam-se os anos e uma pausa nessa história: saio de Londrina em 2004, com passagens pelo Gama-DF, Ceará-CE, São Caetano-SP, Vila Nova-GO, Atlético Mineiro-MG, Cerezo Osaka-JP, Santos-SP, Sport-PE, e 9 anos depois continuo a escrever esse enredo. Chego em 2013, em seguida tenho uma breve passagem pelo Coritiba-PR, e retorno em definitivo a Londrina para viver os dias mais felizes que o futebol poderia me dar. Conquistas, metas e objetivos alcançados marcaram esse retorno e fim de um ciclo.Momentos bons, alegres e felizes e outros nem tanto felizes assim, mas que me fortaleceram e me mostraram o carinho, acolhimento, força e o respeito que vinha de cada aperto de mão, abraço fraterno, mensagens, bilhetes e olhares sinceros de crianças e adultos.Chega o momento de fechar esse ciclo, é claro que não poderia de deixar de mencionar Deus que me direcionou, cuidou e me fez experimentar algo inimaginável, me conectando com pessoas maravilhosas”.

(da Banda B)

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Últimas de Região

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber