Facebook Img Logo
  1. Banner
Mais lidas
Região

Número de infrações de trânsito na região cai 23% no primeiro trimestre de 2019 

.

O número de infrações de trânsito nas três maiores cidades da região caiu neste primeiro trimestre de 2019, em comparação com o mesmo período do ano passado. Os dados de Apucarana, Arapongas e Ivaiporã, disponibilizados pelo Departamento Estadual de Trânsito do Paraná (Detran-PR) apontam uma queda de 23% nas multas lavradas no início deste ano.

No somatório das cidades, foram 2.628 infrações de trânsito flagradas de janeiro a março deste ano, contra 3.409 registros no mesmo período do ano passado.Com 1.303 multas, ou 49,6%, não realizar a transferência de veículo dentro do prazo legal de 30 dias após venda foi a principal infração cometida nas três cidades, de acordo com os dados do Detran de 2019. 

Logo em seguida aparecem o não pagamento do licenciamento obrigatório, com 379 autuações (14,4%), e dirigir sem Carteira Nacional de Habilitação (CNH), com 304 (11,6%).Em Apucarana, a redução no número de multas foi de 20,7%. Nos primeiros três meses de 2018, foram lavradas 1.311 multas no município, segundo o Detran-PR. No mesmo período deste ano, o número passou para 1.039.

Nestes três primeiros meses de 2019, 40,3% das multas lavradas em Apucarana foram por conta da perda do prazo para transferência do veículo, o que equivale a 529 autuações. em seguida está a condução de veículo sem licença, com 133 multas (10,1%) e dirigir sem CNH, com 105 (8%).Em Arapongas, a queda ficou em 28,6%, a maior entre os municípios pesquisados. Foram 960 infrações flagradas em 2019. No ano passado, os registros ficaram em 1.345.

Estão entre as principais infrações da cidade em 2019 a falta de transferência de veículo, com 492 multas (36,6% do total); conduzir sem licenciamento obrigatório quitado, com 203 ocorrências (15,1%) e dirigir sem CNH, com 157 multas (11,7%).Em Ivaiporã, a queda foi a menor entre os três municípios em questão. As multas na cidade passaram de 753, no primeiro trimestre do ano passado, para 629 infrações no primeiro trimestre deste ano. Como resultado, houve queda de 16,5% nos números.

Deixar de efetuar a transferência veicular também lidera em Ivaiporã, com 282 infrações, ou 37,4% do total. Depois aparecem o estacionamento irregular em vaga de carga e descarga, com 49 ocorrências, ou 6,5%; e dirigir sem o licenciamento obrigatório, com 43 casos, ou 5,7%.

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Soprap

Edhucca

Últimas de Região

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber