Facebook Img Logo
  1. Banner
Mais lidas
Região

Cense vai injetar R$ 20 mi em Ivaiporã

.

Terreno onde vai ser construído o Cense em Ivaiporã: obra vai injetar R$ 20 mi no município - Foto: TN
Terreno onde vai ser construído o Cense em Ivaiporã: obra vai injetar R$ 20 mi no município - Foto: TN

O secretário da Justiça, Trabalho e Direitos Humanos, Artagão Júnior, esteve nesta semana em Ivaiporã. Ele reuniu-se com o prefeito Miguel Amaral (PSDB), e o vice Ilson Galiano para debater questões referentes a construção do Centro de Socioedeucação (Cense) na cidade. Durante a reunião, ele garantiu que está empenhado para agilizar a construção da unidade de socioeducação. O secretário também ressaltou o impacto positivo que a obra vai causar no município. 

O Cense é uma unidade voltada para o trabalho com menores infratores e visa a ressocialização e reinserção social e cumprimento de medidas socioeducativas. A previsão é que sejam investidos cerca de R$ 20 milhões para a construção do centro de Ivaiporã. A unidade será construída em terreno doado pela Prefeitura, na rodovia PR-466 no KM 113, com capacidade para 88 internos.

O secretário Artagão Junior relata que a documentação de Ivaiporã está bastante adiantada. “A doação do terreno pela prefeitura foi finalizada em novembro. A documentação está agora no departamento de engenharia da secretaria, para que possam ser feitos os arranjos e os preparativos para contratação do projeto definitivo”, esclarece.

Segundo Artagão Junior, a secretaria estuda uma forma de agilizar a implantação e adequação do projeto com a própria equipe da engenharia. “Se isso acontecer, nós encurtaremos o prazo em pelo menos seis meses. O meu trabalho junto aos engenheiros, aos arquitetos da secretaria, é no sentido que possamos fazer isso. Se der certo, a nossa expectativa é ainda no mês de março possamos assinar o protocolo de intenções, para que em maio possamos encaminhar o processo licitatório”. 

O secretário também elencou as vantagens que o município terá com o Cense, como a redução da criminalidade. “Os adolescentes receberão atividades de orientação profissional, lazer, cultura, esporte e escolarização. O objetivo do Cense é dar suporte aos adolescentes, que, por algum motivo, cumprem uma pena de privação”, completa Artagão Junior. 

O Cense vai gerar cerca de 150 empregos diretos e outros 100 indiretos, através da contratação de serviços como alimentação, lavanderia e limpeza. O prefeito Miguel Roberto do Amaral agradece o empenho do governo do Estado. 

“É uma obra primordial para a recuperação dos adolescentes infratores. Economicamente, também é um programa vantajoso, pois terá o custeio mensal da folha de pagamento, fomentando o nosso comércio, a nossa economia, além de reforçar a segurança”, avalia Miguel Amaral.

Quando for concluída, a edificação terá alojamentos, salas de aulas e setores de administração, controle, saúde, desportivo, serviços e atividades. Conforme levantamentos da Seju, o nível de ressocialização dos jovens infratores após serem atendidos pelo Cense chega a 80%.

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Edhucca

Últimas de Região

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber