Região

Saúde Pública de Rolândia ganha mais recursos

Da Redação ·
Saúde Pública de Rolândia ganha mais recursos
fonte: Divulgação
Saúde Pública de Rolândia ganha mais recursos

Lançado ontem (13), o Programa de Apoio e Qualificação de Hospitais Públicos e Filantrópicos do SUS no Paraná (HOSPSUS), vai beneficiar também o Hospital São Rafael de Rolândia.

continua após publicidade


O programa inovador, que vai investir R$ 40 milhões em todo o Estado, beneficia locais com mais de 100 leitos de atendimento. O Hospital de Rolândia tem 56 leitos.


Sensibilizado pelo Prefeito de Rolândia Johnny Lehmann, o Governador Beto Richa ampliou a parceria entre a cidade e o Estado e incluiu o São Rafael entre os 48 hospitais beneficiados com recursos estaduais.

continua após publicidade


Acompanhado do Secretário Municipal de Saúde, Felipe Pinheiro, o prefeito Johnny foi recebido pelo Secretário da Saúde do Paraná, Michele Caputo Neto que confirmou a adesão do São Rafael ao HOSPSUS.


O Hospital será beneficiado com R$ 50 mil em custeio mensal, mais um incentivo financeiro em equipamentos a ser definido pelo comitê gestor do programa.

continua após publicidade


“Temos muito a agradecer ao governador Beto Richa que se sensibilizou em ajudar o nosso Hospital. Tenho certeza que estes recursos do HOSPSUS vão melhorar a qualidade do atendimento aos rolandenses”, concluiu o prefeito Johnny Lehmann.

continua após publicidade

RECURSOS – Desde o início de 2009, a atual administração municipal aumentou os investimentos na Saúde e no Hospital São Rafael.


Em 2008, a média de repasses era de R$ 274 mil mensais. Em 2009, o valor saltou para R$ 447 mil e em 2010 saltou para R$ 500 mil mensais. Neste ano de 2011, a média dos repasses até junho foi de R$ 550 mil entre pagamentos de plantões e o convênio de cooperação técnica entre Prefeitura e o São Rafael.


No mês passado, a prefeitura também contribuiu com o Hospital com um valor de mais de R$ 140 mil além dos repasses mensais e ainda vai contribuir com mais R$ 53 mil reais mensais até o fim do ano, a partir da abertura da UTI do Hospital que deve acontecer nos próximos meses.