Região

Catedral de Maringá é condenada pela Justiça

Da Redação ·

A Catedral Nossa Senhora da Glória foi condenada pela Justiça por aceitar que a Prefeitura de Maringá pagasse entre os anos de 1997 e 2001 a sua conta de luz. O Ministério Público entrou com uma ação pedindo explicação.

continua após publicidade

Mesmo depois de a Arquidiocese de Maringá ter devolvido aproximadamente R$ 170 mil para os cofres públicos, a ação prosseguiu.  De acordo com a Arquidiocese a ajuda financeira era feita pela prefeitura para que a catedral ficasse iluminada durante toda a noite.