Região

'Pequenos Cantores de Apucarana' voltam à ativa

Da Redação ·
Nova turma ensaiou nesta semana com a Irmã Custódia
fonte: Sérgio Rodrigo
Nova turma ensaiou nesta semana com a Irmã Custódia

Com voz suave e cheia de animação, a nova geração dos ‘Pequenos Cantores de Apucarana’ se prepara para dar continuidade ao trabalho do grupo que, durante as décadas de 70 e 80, lançou o nome da cidade no cenário nacional. Ainda regidos pela freira Custódia Maria Cardoso, coordenadora de Música Sacra do Paraná, da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), a maioria dos 12 participantes do coral é composta por filhos de integrantes da equipe que gravou 17 LPs.

continua após publicidade

Incentivados pela família, agora os ‘Pequenos’ se dividem entre estudos e ensaios para produzir o primeiro CD da carreira, ‘As Crianças cantam o Advento e o Natal’. “Esse CD terá 17 músicas e será gravado em maio, pela Paulus, de São Paulo. Será um trabalho voltado à preparação e celebração do Natal”, antecipa a Irmã Custódia. Segundo ela, em agosto, a agenda da turminha também prevê a gravação do segundo CD, o ‘Cantando na Escola’. A expectativa é que o trabalho, destinado à educação infantil, seja transformado em DVD. “Desta vez, as músicas falarão sobre a realidade das crianças e temas como os professores, a escola, o índio, a água e a árvore”, comenta.

Para a maestrina, atuar com os filhos dos ‘Pequenos Cantores’ vem sendo emocionante. “É muito bom ver que há perseverança, não só das crianças cantando outras canções, mas também do engajamento que algumas passaram a ter com a Igreja, em especial com a Catedral Nossa Senhora de Lourdes”, diz Irmã Custódia, sem se esquecer do sucesso que os pais deles fizeram.

continua após publicidade

“Fomos para São Paulo 17 vezes. As crianças viajavam muito para apresentações, tinham uma rotina dinâmica e gostavam muito de cantar”, recorda.

Além do grupo ‘Pequenos Cantores de Apucarana’, a religiosa, que exerce sua missão no Santuário de Santa Paulina, em Nova Trento (SC), também esteve à frente do Coral ‘Palestrina’.

A ‘Pequena Cantora’ Cristiane Gonçalves da Matta, de 33 anos, também guarda boas lembranças dos tempos em que atuou com a Irmã Custódia. A experiência, conforme ela, foi tão boa que influenciou sua profissão. Hoje, ela toca violão com a nova leva de cantores mirins. “Tenho saudades daquela época, das viagens, missas e gravações. Entrei no coral aos 5 anos e sai adolescente. Depois, acabei me formando em música”, relata.

Os dois filhos de Cristiane, que herdaram o gosto da mãe pelo canto, estão ansiosos para a gravação do primeiro CD dos ‘Pequenos Cantores’. Integrantes do grupo, Eduardo, de 9 anos, que já toca violino, e Yasmin, 6, adoram ensaiar. “Aprendi a letra das músicas ouvindo minha mãe cantar”, revela a pequena Yasmin.