Região

Homem é assassinado com facada em Marilândia do Sul

Da Redação ·

O corpo de Gélson Lopes Cardoso, de 34 anos, foi necropsiado no Instituto Médico Legal (IML) de Apucarana e liberado no domingo (26) para funeral.

continua após publicidade

De acordo com superintendente do IML de Apucarana, investigador José Jerônimo dos Santos, Gélson Lopes Cardoso estava em um barracão onde acontecia uma festa na cidade de Marilândia do Sul quando teve início um desentendimento.

Durante a confusão Gélson teria dado um tapa no rosto de uma pessoa e na seqüência foi atingido por um golpe de faca nas costas. Ele não resistiu à lesão provocada pelo instrumento cortante, detalhou Jerônimo.

continua após publicidade

Na seqüência, a Polícia Militar (PM) prendeu Cláudio Cordeiro dos Santos, 35, como suspeito de ser o autor do homicídio registrado neste final de semana em Marilândia do Sul. Gélson Lopes Cardoso deixa três filhos menores e viúva, que segundo a polícia estaria grávida de um quarto bebê.

Mais detalhes sobre essa  e outras notícias na edição impressa de terça-feira (26) da Tribuna do Norte - O Diário do Paraná