Região

Coordenadores da Autarquia de Saúde passam por treinamento

Da Redação ·

Durante a reunião realizada quinzenalmente pela direção da Autarquia Municipal
de Saúde (AMS), os coordenadores de departamentos receberam um treinamento
ministrado pelo coordenador do Centro de Tecnologia da Informação (CTI) da
Secretaria da Administração, Sérgio Fernando Carrero e Osmar Caniatto.
Em pauta a utilização do software Zarafa Workgroup, já utilizado pelos servidores
municipais usuários do domínio @apucarana.pr.gov.br, tanto da prefeitura como
da Autarquia, para envio e recebimento e-mail. Além do uso do e-mail, outro ponto
abordado por Fernando, foi à utilização do item “tarefa” (taks), que possibilitará
que tanto a secretária de Saúde, Claudia Romagnoli, como a diretora geral da AMS,
Maria Neusa Sousa de Oliveira, acompanhem em tempo real, as tarefas delegadas
aos funcionários.

continua após publicidade


“A exemplo da Prefeitura, estamos implementando esse sistema na Autarquia. Além
de delegarmos tarefas on-line e acompanhar passo a passo a sua execução, temos
aqui uma importante ferramenta de comunicação entre a direção e os servidores”,
alega a secretária de Saúde. “Neste processo não são só as tarefas delegadas pela
direção, os servidores também poderão criar as próprias tarefas, utilizar calendário/
agenda (calendar), entre outras opções”, completa.


Maria Neusa destaca que o treinamento com os servidores partiu da
capacitação realizada na última semana com secretários municipais e assessores
técnicos. “Percebemos a importância deste treinamento e desta ferramenta. A partir
de agora o sistema já esta implantado na Autarquia”, anuncia.

continua após publicidade


Fernando explica que cada vez que uma tarefa for postada o servidor que recebê-
la irá confirmar ou recusar. Se recusada, os motivos deverão ser expostos. “Quando
a tarefa for aceita, iniciada, cumprida ou finalizada, quem a delegou receberá uma
confirmação de concluída.”, detalha.

“No caso de atraso na conclusão o servidor poderá ser notificado e terá que explicar o motivo deste atraso na conclusão ou execução dos trabalhos”, finaliza Fernando Carrero.