Região

Apucarana negocia reversão de multas trabalhistas em obras

Da Redação ·
 João Carlos de Oliveira
fonte: Édison Denobi
João Carlos de Oliveira

O prefeito João Carlos de Oliveira (PMDB) esteve em Curitiba nesta segunda-feira (31/01) onde cumpriu agenda no Ministério Público do Trabalho, na Secretaria de Estado do Trabalho e Emprego e no Serviço Social Autônomo Paranacidade. “As demandas da administração municipal aumentam e os recursos são cada ano mais escassos. Dentro desta realidade, o gestor público hoje precisa usar de muito trabalho, perseverança, criatividade e uma dose de insistência. Tenho estado frequentemente na capital do Estado, em Brasília, na busca de agilizar a conclusão positiva de todos os projetos que enviamos”, destaca João Carlos.

continua após publicidade

Asessorado pelo secretário Municipal de Infraestrutura Urbana, engenheiro civil Herivelto Moreno, no Ministério Público do Trabalho, o prefeito conseguiu avanços positivos na negociação que prevê a reversão do pagamento de multas trabalhistas em forma de obras. Segundo a Procuradoria Jurídica da prefeitura, as penalidades foram aplicadas pelo Ministério do Trabalho à prefeitura, em gestões anteriores. “Como essas multas quando pagas integram o Fundo de Amparo ao Trabalhor (FAT), uma vez incorporadas ao bolo, podem ir para todo o Brasil. Com este acordo, garantimos que os recursos de Apucarana sejam aplicados em obras para os apucaranenses”, assinala João Carlos. De acordo com ele, o Centro Municipal de Educação Infantil (CMEI) do Jardim Marissol está sendo construído com recursos revertidos das multas que o município deveria pagar. “Levamos agora um outro projeto para que novo investimento possa ser feito neste sentido, agora em benfeitorias de ampliação de um outro CMEI”, informa o prefeito.

continua após publicidade

Outra boa notícia trazida por João Carlos de Curitiba vem do Paranacidade. “Recebemos a garantia de que os contratos para construção do Centro da Juventude e da Clínica da Mulher e da Criança serão cumpridos. As obras não irão parar”, relata.

continua após publicidade

Na Secretaria de Estado do Trabalho e Emprego, o prefeito teve audiência com o secretário Luiz Cláudio Romanelli. “Nos primeiros dias do ano enviei ofício e agora estive pessoalmente para falar da necessidade e solicitar a ele um veículo para a Agência do Trabalhor de Apucarana”, explica. “Também apresentei todo o trabalho que é feito pela prefeitura na área de profissionalização, através da Escola da Oportunidade. O secretário ficou muito interessado e sinalizou positivamente no sentido de firmar boas parcerias com o município na viabilização de cursos. Romanelli também falou que tem projetos de incrementar as atividades do Banco Social em Apucarana e todo o Paraná”, comunica João Carlos.

Como sempre faz, de carro João Carlos saiu em viagem pela madrugada e, após cumprir com a agenda de trabalho, retornou a Apucarana no final da tarde.