Região

Mais de 40 pontos estão próprios para banho no litoral

Da Redação ·
 Mais de 40 pontos estão próprios para banho no litoral
fonte: SECS
Mais de 40 pontos estão próprios para banho no litoral

Pela quarta semana consecutiva o Instituto Ambiental do Paraná (IAP) traz uma notícia positiva aos veranistas que estão nas praias do Litoral paranaense. O sétimo boletim de balneabilidade – divulgado, nesta sexta-feira (28) - apresenta novamente um aumento no número de pontos próprios para banho de mar.

continua após publicidade

Dos 49 locais monitorados semanalmente pelo IAP no Litoral, 42 pontos encontram-se próprios para banho e apenas sete locais foram considerados impróprios e serão sinalizados com bandeiras vermelhas. Os resultados positivos desta semana ocorreram em Guaratuba, onde dois pontos passaram de impróprios para próprios em condições climáticas normais. São eles: o ponto localizado na Prainha de Guaratuba, 80 metros à esquerda do córrego e na Barra do Saí, ponto localizado na rua Guairacá.

continua após publicidade

Em Morretes, o ponto monitorado no rio Nhundiaquara, no Largo Lamenha Lins, passou de próprio para impróprio para banho.

continua após publicidade

“Ao todo, 26 pontos serão sinalizados com bandeiras azuis e 16 pontos serão sinalizados com bandeiras amarelas. Estes, em condições climáticas normais são adequados para banho, mas durante e após chuvas intensas devem ser evitados”, informa o presidente do IAP, Tarcísio Mossato Pinto.

Os resultados das análises serão divulgados semanalmente até o final do mês de março, no endereço eletrônico www.iap.pr.gov.br

continua após publicidade

ORIENTAÇÃO – Três centrais de informações foram instaladas na orla para orientar a população sobre a qualidade da água e também sobre a contribuição que os veranistas podem dar recolhendo o lixo gerado na praia.

continua após publicidade

Em Guaratuba, as funcionárias do IAP, Joana Kuhlemann, Marili Silva de Araújo (Mara), Maria Lucia Santos Souza e Neusa Mattias Santos estão promovendo um intenso trabalho de educação ambiental.

continua após publicidade

“Estamos informando as famílias sobre o que é o monitoramento da balneabilidade e que ele indica a quantidade de esgoto presente na água, bem como os riscos para a saúde humana”, conta Maria Lúcia.

A equipe também pede que as pessoas observem a sinalização - bandeiras: azul, vermelha e amarela - colocadas na beira da praia antes do contato direto com a água.

continua após publicidade

Em relação ao lixo, além de orientar e distribuir sacolas biodegradáveis na areia, as técnicas do IAP estão aplicando um questionário para que o veranista avalie o trabalho de limpeza das praias.

continua após publicidade

“Somente no domingo distribuímos 1.500 mil sacolas, contendo informações sobre a balneabilidade - entre a Praia Central e o Morro do Cristo”, conta Marili Silva de Araújo. Paralelamente, outra equipe atua junto aos veículos que trafegam na Avenida Beira Mar.

COSTA OESTE E REGIÃO NORTE – Na costa Oeste todos os 16 locais monitorados nas praias artificiais do Lago de Itaipu estão próprios para banho.

O ponto monitorado, na represa Capivara, localizado no terminal turístico municipal de Primeiro de Maio – região Norte – permanece impróprio, devido aos altos índices de floração de Algas que podem ser tóxicas por contato primário e pela ingestão acidental da água.

ALERTA - Os locais avaliados são escolhidos de acordo com a concentração de banhistas e frequência que são utilizados para recreação. O IAP alerta que tomar banho em água contaminada pode causar doenças de pele, gastrenterite e infecções nos olhos, ouvidos e garganta. Doenças mais graves também podem ser transmitidas pela água, como hepatite A, cólera e febre tifóide.