Região

Presos fazem rebelião na cadeia de Arapongas

Da Redação ·
Cerca de aproximadamente dez homens trabalharam para consertar os estragos provocados pelos presos
fonte: Delair Garcia
Cerca de aproximadamente dez homens trabalharam para consertar os estragos provocados pelos presos

Detentos da Cadeia Pública de Arapongas se rebelaram na madrugada desta segunda-feira (17). O motim, que começou por volta das 2 horas, acabou deixando um preso ferido. Ele foi atingido por uma bala de borracha e teve de ser encaminhado para atendimento médico.

continua após publicidade

A rebelião teria tido início quando um dos presos fingiu passar mal.  Os detentos teriam tentado render o carcereiro, mas ele conseguiu evitar a fuga do encarcerados, enquanto o reforço policial era acionado.  Um dos presos foi feito refém e foi necessário entrar com cães na delegacia.

continua após publicidade

Nesta manhã, segundo a Delegacia de Polícia Civil, a situação já estava contida. Uma vistoria estava sendo realizada nas celas, que foram danificadas durante a rebelião.

continua após publicidade

Apesar de ter capacidade para apenas 36, a cadeia de Arapongas abriga cerca de 150 presos.

No ano passado, a carceragem foi interditada após solicitação do Ministério Público. O Tribunal de Justiça do Paraná manteve a interdição, determinando que os presos fossem removidos e proibindo a cadeia de receber novos detentos.