Região

Governo buscará recursos em Brasília para reformas no Litoral

Da Redação ·
Imagem ilustrativa da notícia Governo buscará recursos em Brasília para reformas no Litoral
fonte: Arnaldo Alves / AEN
Governo buscará recursos em Brasília para reformas no Litoral

O governador Orlando Pessuti afirmou, na Escola de Governo desta terça-feira (16), que aguarda posicionamento do governo federal sobre a liberação de recursos para recuperação e ampliação de cais no Porto de Paranaguá e para aumentar a faixa de areia na orla de Matinhos. A obra tornou-se necessária depois da ressaca que atingiu o litoral, em 2001. “A primeira licitação é de infraestrutura e de construção de barreiras de proteção, como mole. E uma outra é específica para engordar a praia”, explicou o governador.

continua após publicidade

As primeiras conversas com o governo federal foram estabelecidas por Pessuti. O secretário do Desenvolvimento Urbano, Wilson Lipski, foi à Brasília nesta terça-feira para encaminhar o processo. As obras vão representar investimento aproximado de R$ 30 milhões. Segundo o governador, a ação na praia de Matinhos vai contar com ajuda da Administração dos Portos de Paranaguá e Antônina (APPA). Existe a proposta para que as multas que incidem sobre o porto, por falta de licença ambiental, por exemplo, sejam revertidas em recursos para concretização da obra em Matinhos.

continua após publicidade

PORTO – Outra parceria entre o governo estadual e federal refere-se a verbas para ampliação do cais atual e ampliação do cais oeste do Porto de Paranaguá. Pessuti lembrou que, com a realização da Copa do Mundo de 2014, portos de todo o Brasil receberão repasses federais para investir em estruturas portuárias. “O Paraná foi deixado um pouco de lado. Enquanto cinco portos de Santa Catarina têm investimentos significativos do governo federal, para o Paraná o recurso foi zero”, declarou Orlando Pessuti. Segundo o governador, ao longo do tempo “não se buscou este recurso”.

O governador comentou também a primeira licença ambiental para o Porto de Pontal do Sul, concedida na quinta-feira (11). “Será um ponto de geração de renda, de emprego e desenvolvimento para o Paraná”, afirmou Pessuti. De acordo com o governador, todos os “cuidados ambientais e responsabilidades sociais” serão tomados para que o porto funcione adequadamente.