Região

Cai o número de habitantes por domicílio em Apucarana

Da Redação ·

O número de pessoas por domicílio está diminuindo em Apucarana. De acordo com o chefe da agência do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) no município, Berenildo Chagas, embora a coleta de dados para o Censo 2010 ainda não tenha terminado, já se pode perceber esta mudança.

continua após publicidade


“Em 1991, esse índice chegava a 4,89 por casa e hoje, está em torno de 3,15. Vemos que há quase uma pessoa a menos em cada residência”, afirma. Ele também aponta que as mulheres são maioria na cidade. “São quase três mil a mais que homens”.


Com término previsto para o dia 20 de outubro, o IBGE ainda precisa recensear cerca de 2 mil domicílios em Apucarana. A tarefa, conforme Chagas, está a cargo de aproximadamente 30 recenseadores.

continua após publicidade


“Quando começamos o censo, tínhamos mais de 100 pessoas trabalhando nas ruas. Algumas se cansaram, desistiram antes da hora. Outras completaram apenas um setor, enquanto algumas das que continuaram já passaram do terceiro setor”, explica. O número de domicílios por cada um dos 166 setores do IBGE no município varia de 300 a 600.


“A maioria dos locais que não foram recenseados estão fechados e são na área urbana. Por isso, pedimos que a população colabore”, Chagas. Quem tem dificuldade de ser encontrado pelo recenseador em casa pode agendar a visita pelos telefones (43) 3122-0475, 3423-2011 e 3423-0475.


Na região, Arapongas é o município mais adiantado no recenseamento, com 100% dos domicílios e população recenseados. Ao todo, são 102.790 pessoas distribuídas em 32.840 domicílios. Na sequência, aparecem Rio Bom e Marilândia do Sul. A expectativa, segundo o gerente da agência do IBGE em Apucarana, é que a coleta de dados termine hoje em Califórnia, Novo Itacolomi e Mauá da Serra.